Lista de questão: Demografia-Conceitos Demográficos        Quantidade de questões: 35        Criada por: MARCIO PADOVANI

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

1)

O relógio da população mundial, mecanismo criado pelo censo dos Estados Unidos para contar a população da Terra e o ritmo de crescimento demográfico, indicou em 25 de fevereiro de 2006 que o mundo atingiu a marca de 6,5 bilhões de pessoas. Nas regiões mais pobres do Planeta, como África, Índia e Oriente Médio, a população cresce mais rápido. Nos países industrializados da Europa, a população está diminuindo. Entretanto, na soma, a Terra está ficando cada vez mais lotada.http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UFPel20062geo15.pngCom relação ao crescimento populacional ou demográfico, é correto afirmar que

A)

a taxa de migração é o número de pessoas que se desloca de uma área para outra no mesmo país.

B)

o crescimento natural ou vegetativo corresponde à diferença entre a entrada e a saída de pessoas de uma determinada área.

C)

a taxa de fecundidade, que representa o número de filhos por mulher, não interfere no crescimento demográfico.

D)

o crescimento vegetativo corresponde à diferença entre nascimentos e óbitos em uma dada população.

E)

são populosos os países cuja população relativa é muito elevada, e povoados aqueles que possuem grande população absoluta.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

2)

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é um dado utilizado pela Organização das Nações Unidas (ONU) para analisar a qualidade de vida de uma determinada população. Em 2009, o Brasil apresentou IDH de 0,813, valor considerado alto. Para definição desse índice são utilizadas três variáveis básicas que fazem parte do nosso dia-a-dia. Para responder considere os itens:

I.          Expectativa de vida

II.       Renda per Capita

III.     Taxa de Exportação

IV. Taxa de Importação

IV.    Educação

 

As três variáveis básicas que compõem o IDH são as dos itens

A)

I, III e V.

B)

I, II e IV.

C)

I, II e V.

D)

II, III e V.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

3)

Tá vendo aquele edifício, moço, ajudei a levantar. Foi um tempo de aflição, eram quatro  condução dois pra ir dois pra voltar[...]Tá vendo aquela igreja, moço, Onde o padre diz amém. Pus o sino e o badalo enchi minha mão de calo. lá eu trabalhei também. Lá sim valeu a pena tem quermesse e tem novena e o padre deixa entrar. Foi lá que Cristo me disse: Rapaz deixe de tolice não se deixe amedrontar. Fui eu quem criou a Terra, enchi o rio, fiz a serra, não deixei nada faltar. Hoje o homem criou asa e na maioria das casa seu também não posso entrar. (Lúcio Barbosa)A análise da música e os conhecimentos sobre movimentos da população e setores da economia permitem afirmar:

A)

O movimento da população destacado na música é o êxodo rural.

B)

A transumância é o movimento mais expressivo do Brasil, mas ela só ocorre do semiárido nordestino para a Região Centro-Sul.

C)

O setor da economia destacado na música é o secundário.

D)

No Brasil, o setor da economia que mais absorve a população ativa é o secundário, por isso ele é hipertrofiado.

E)

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

4)

A qualidade de vida de uma população é avaliada a partir de alguns índices, entre os quais se destaca o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), que vem sendo calculado para o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), desde 1990.Tal índice representa três características desejáveis e esperadas do processo de desenvolvimento humano, quais sejam:

A)

– a taxa de crescimento de uma população expressa nos índices de natalidade;– a longevidade de uma população, dada pelo índice de mortalidade;– o grau de conhecimento de uma população, traduzido pela variável educacional da taxa de alfabetização e do índice de evasão escolar.

B)

– o PIB de uma população, ajustado para refletir a capacidade de sua produção;– a renda per capita de uma população, dada para demonstrar o poder de compra entre os países;– o grau de conhecimento de uma população, expresso na variável educacional da taxa combinada de matrícula nos três níveis de ensino.

C)

– a população absoluta de um país expressa nos índices de natalidade e mortalidade;– a capacidade de produção de um país, indicada pelas taxas de importação e exportação;– a variável educacional de um país, dada pelo índice de analfabetismo.

D)

– a taxa de natalidade e mortalidade infantil de uma população, que indica a esperança de vida;– o PIB de uma população, dado para refletir a produção per capita do país;– a taxa combinada de matrícula nos três níveis de ensino, mais a taxa de analfabetismo de uma população.

E)

– a longevidade de uma população expressa pela esperança de vida;– o grau de conhecimento de uma população, dado por duas variáveis educacionais: a taxa de alfabetização de adultos e a taxa combinada de matrícula nos três níveis de ensino;– a renda ou PIB per capita de uma população, ajustada para refletir a paridade do poder de compra entre os países.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

5)

O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) criou o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) com base em três grandes indicadores: educação, longevidade e renda. A composição desses indicadores é capaz de identificar aspectos fundamentais da grande diferença de desenvolvimento humano que separa os países do mundo, revelando a exclusão social de parcela significativa da humanidade, considerada uma das formas de violência dos tempos contemporâneos. Nesse sentido, é correto afirmar que:

A)

a revolução tecnocientífica gerou novos tipos de qualificação de mão-de-obra, como na construção civil, na indústria de transformação, no comércio e nos serviços, valorizando a força de trabalho com baixo nível de instrução.

B)

o ingresso precoce dos jovens no mercado de trabalho, presente em grande parte nos países periféricos, reflete as condições de pobreza de parte significativa das famílias desses países, desqualifica a força de trabalho e reforça os mecanismos de exclusão social.

C)

o PIB (Produto Interno Bruto) per capita, componente financeiro do IDH, revela a qualificação da força de trabalho, sendo responsável pela exclusão social.

D)

as elevadas taxas de analfabetismo, presentes nas populações de muitos países subdesenvolvidos, têm como conseqüência a melhoria da qualidade de vida e aumento da qualificação da mãode-obra.

E)

a eficiência dos serviços públicos relacionados à educação e à qualificação profissional tem proporcionado, em muitasnações subdesenvolvidas, elevadas taxas de evasão escolar e de repetência.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

6)

Para a explicação do crescimento da população e de sua relação com o desenvolvimento, algumas teorias foram formuladas: malthusiana, reformista e neomalthusiana. Os adeptos da teoria reformista

A)

consideram que o rápido crescimento demográfico exerce pressão sobre os recursos naturais, sendo um sério risco para o futuro da humanidade.

B)

defendem a necessidade de reformas socioeconômicas que permitam a elevação do padrão de vida da população.

C)

defendem que o alto crescimento demográfico é causa da pobreza generalizada, sendo imprescindíveis reformas políticas rígidas de controle da natalidade.

D)

consideram o descompasso entre a população e os recursos necessários para a sua sobrevivência como causa para a existência da miséria do mundo.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

7)

Desde 1993, a ONU (Organização das Nações Unidas) tem utilizado uma medida comparativa entre países que permite uma avaliação mais complexa das características de cada um. Trata-se do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), utilizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento Humano em seus relatórios.

O IDH de cada país é calculado com base nas seguintes variáveis:

A)

saúde, educação e trabalho.

B)

educação, produto interno bruto e taxa de mortalidade.

C)

renda per capita, emprego e saúde.

D)

longevidade, educação e renda.

E)

expectativa de vida, educação e taxa de mortalidade infantil.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

8)

A mobilidade da população brasileira sempre esteve ligada ao processo de povoamento do território nacional. A sucessão dos períodos da economia do Brasil favoreceu essa mobilidade que pode ser observada nos mapas abaixo.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UFU6229G.jpg

A análise dos mapas, anteriormente apresentados, permite afirmar que:

A)

as décadas de 1970-1990 constituem-se como os principais períodos da migração de nordestinos rumo ao Centro-Oeste, fato que contribuiu para que essa região apresente, atualmente, o maior crescimento populacional do país.

B)

as décadas de 1950-1970 foram marcadas pela migração de nordestinos para o Sudeste, motivados pela industrialização; para o Mato Grosso e Paraná; e para a Amazônia, devido à criação da Zona Franca de Manaus.

C)

a década de 1990 foi marcada pela migração de moradores das periferias das grandes cidades brasileiras, atraídos pelas expectativas de trabalho nas reservas extrativas da região Amazônica.

D)

nas décadas de 1970-1990, o maior fluxo de migração interna do Brasil foi o de nordestinos rumo ao Centro-Oeste, onde eles transformaram-se em empresários do extrativismo mineral.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

9)

Responder a questão abaixo com base nas afirmativas referentes à organização demográfica do Brasil.

I. O Brasil está entre os dez países com maior desigualdade social do mundo.

II. A taxa de fecundidade do Brasil está em torno de 4,3 filhos por mulher, e a taxa de fertilidade está diminuindo.

III. Os dados referentes ao IDH possibilitam localizar o Brasil no grupo de países situados na faixa de 0,8 a 1,0.

IV. Desde a década de 1950, a população absoluta do Brasil está diminuindo, graças às políticas governamentais de controle da natalidade.

As afirmativas corretas são, apenas,

A)

I e II.

B)

I e III.

C)

I, II e IV.

D)

II, III e IV.

E)

III e IV.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

ID: 29590

10)

Para o entendimento da dinâmica populacional como um todo, buscou-se a construção de conceitos que expressassem suas especificidades. Estão corretas as definições apresentadas abaixo, EXCETO:

A)

População urbana: parcela da população indicada em porcentagem que habita nas áreas urbanas. Apesar do esforço da ONU para padronizar o que é zona rural e urbana, os critérios mudam de nação para nação.

B)

Densidade demográfica: número de habitantes de um país por quilometro quadrado. É obtido por conta simples: divide-se a população pela área.

C)

Crescimento demográfico: aumento médio do número de indivíduos de um país, expresso em porcentagem. Resulta do saldo entre os nascimentos e as mortes (crescimento vegetativo) mais o saldo entre imigrantes e emigrantes (crescimento migratório).

D)

Expectativa de vida: estimativa anual dos filhos nascidos vivos que cada mulher teria durante o período reprodutivo (15 a 49 anos). Só entram nessa conta bebês nascidos vivos. O indicador reflete a tendência decrescimento ou queda da população do país.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

11)

A análise dos dados da tabela permite concluir que

 País População (milhões de habitantes)

Densidade demográfica(hab/km²)

China MongóliaTaiwanJapão 1.313.302.55922.370127.800 136,81,6617,4342,8

A)

a China é o país mais povoado.

B)

Taiwan é o país mais populoso.

C)

a Mongólia é pouco povoada e muito populosa.

D)

o Japão e Taiwan são países povoados.

E)

a China e a Mongólia são países populosos.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

12)

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/pucrj087.JPG

Nota: Segundo a pesquisa, o piso e o teto da renda mensal das famílias de classe média equivaleriam, respectivamente, a R$ 1.556,00 e R$ 17.351,00. No que se refere à distribuição da classe média pelas macrorregiões brasileiras:I – a sua menor participação nas grandes regiões Nordeste, Centro-Oeste e Norte, comparativamente ao Sudeste, é conseqüência das relações escravocratas no passado colonial, que perduraram até o final do século XIX;II – a sua concentração na grande região Sudeste se dá, dentre outros fatores, à qualificação profissional mais significativa frente aos outros espaços regionais;III – a porcentagem representada na macrorregião Centro-Oeste ainda é pouco expressiva no total nacional, por este ser um espaço regional pouco povoado.Das sentenças acima, qual(is) explica(m) corretamente a distribuição mostrada no gráfico?

 

A)

I e II.

B)

II e III

C)

Somente a III

D)

I e III

E)

Somente a II.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

13)

O estudo da população costuma dar ênfase a três dimensões: o crescimento, a estrutura e as migrações. Estas dimensões estão interligadas e em constante interação.

Que alternativa evidencia a ligação entre pelo menos duas delas?

A)

A população de um país é dividida por faixas etárias: os jovens (0 a 19 anos), os adultos (20 a 59 anos) e os velhos (mais de 60 anos).

B)

A população cresce pela diferença entre as taxas de natalidade e de mortalidade, deduzido ou acrescentado o saldo migratório.

C)

A natalidade quando é elevada, significa que a expectativa de vida também será alta, passando a haver um predomínio da população adulta.

D)

Os constantes deslocamentos populacionais dentro do país são o reflexo dos graves problemas socioeconômicos que estas populações enfrentam.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

14)

O movimento populacional é importante por vários fatores: Assinale a opção que destaca a figura que chega a um país:

A)

Imigrante

B)

Emigrante

C)

Migrante

D)

Nenhuma das anteriores

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

15)

A densidade demográfica indica o número de habitantes por km². Sobre a distribuição populacional brasileira, assinale a alternativa correta.

A)

A colonização que ocorreu nas regiões Norte e Centro Oeste impulsionou o crescimento demográfico, atingindo níveis superiores a 50 habitantes por km², em algumas cidades.

B)

Os maiores índices de concentração da população brasileira estão localizados no interior do país, principalmente nas regiões Centro Oeste e Norte.

C)

A região Sul do Brasil apresenta grandes vazios demográficos desde o início do século XXI.

D)

O Nordeste brasileiro apresenta intensa ocupação na região do sertão e Agreste, e ocupação rarefeita na porção litorânea.

E)

Cuiabá e Manaus, na região Norte e Centro Oeste, Maceió e Curitiba, na região Nordeste e Sul, apresentam taxas demográficas superiores a 50 habitantes por Km².

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

16)

Observe o seguinte quadro:

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/ufla05220.JPG

O quadro acima apresenta informações sobre causas de mortes ocorridas nos últimos sete anos no Brasil. Indique a alternativa que corresponde ao indicador social associado aos óbitos apontados no quadro:

A)

Expectativa de vida.

B)

Taxa de mortalidade por causas externas.

C)

Crescimento vegetativo.

D)

Taxa de mortalidade infantil.

E)

Índice de desenvolvimento humano.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

17)

Leia o trecho extraído do Relatório de Desenvolvimento Humano da Organização das Nações Unidas (ONU) de 2010.Nem todas as tendências são positivas, como tão bem sabemos. Infelizmente, vários países tiveram um recuo na consecução absoluta do IDH desde o Relatório de 1990. Estes países proporcionam lições sobre o devastador impacto dos conflitos, das epidemias de AIDS e da má gestão econômica e política. Dentre os 50 países mais pobres do mundo, 33 estão situados nessa região.

(Helen Clark, administradora do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento – PNUD. Adaptado.)

O texto refere-se

A)

à América Latina.

B)

ao Extremo Oriente.

C)

ao Oriente Médio.

D)

à África Setentrional.

E)

à África Subsaariana.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

18)

Examine o gráfico:

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/pucsp0770geo.JPG

Ele é muito revelador sobre uma amostra essencial da dinâmica demográfica do planeta. Tendo em vista acondição geográfica dos países citados, é correto afirmar que

A)

os países que apresentam um ritmo mais acelerado de crescimento populacional sofrem esse processo em razão do ritmo igualmente acelerado de urbanização.

B)

os países que compõem o conjunto são "emergentes", pouco desenvolvidos e desenvolvidos. No último caso oritmo de crescimento demográfico vai de moderado até uma quase estagnação.

C)

os países que possuem um ritmo mais veloz de crescimento são justamente aqueles nos quais domina o islamismo, prática religiosa que coloca sérias restrições ao controle da natalidade.

D)

há uma relação direta entre o tamanho da população desses países e a extensão de seus territórios; quanto maior o território maior também a população.

E)

imigração e crescimento demográfico associam-se no caso da China e da Índia; nesses países o crescimento se acelerará, devido à nova imigração, impulsionada pela força econômica de ambos.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

19)

Sobre a dinâmica do espaço populacional, pode-se afirmar:

A)

As variáveis responsáveis pelo crescimento demográfico nos países subdesenvolvidos modificaram-se no início do século XIX, o que contribuiu para o declínio da natalidade.

B)

O final desta década registra acentuado aumento da mortalidade entre os idosos dos países desenvolvidos da Europa, tendo como consequência enormes encargos para a previdência social e aumento da natalidade.

C)

O crescimento vegetativo consiste na diferença entre o número de nascimentos e o de mortes, em determinado período (geralmente um ano).

D)

As migrações internacionais são importantes para calcular o crescimento da população mundial, porém não são consideradas no crescimento ou no declínio da população de cada país.

E)

O crescimento contínuo da produção de alimentos tem contribuído para aumentar a qualidade de vida dos povos ao sul do Saara e para diminuir as taxas de mortalidade.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

20)

“Trata-se de uma medida que fornece o grau de concentração de uma população no território, dada pelo quociente entre o volume total de população da área e sua extensão territorial.”Essa é a definição de

A)

Crescimento Vegetativo.

B)

Esperança de Vida.

C)

IDH.

D)

Densidade demográfica.

E)

Pirâmide Etária.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

21)

A taxa de natalidade vem sofrendo queda generalizada nas cinco macrorregiões brasileiras, desde a década de 1970. Entretanto, entre as adolescentes, esse quadro se inverteu: entre 1991 e 2000, o número de partos realizados nos hospitais públicos em meninas, na faixa dos 10 aos 14 anos, aumentou aproximadamente 30%. Na faixa etária de 15 a 19 anos, o acréscimo foi de mais de 25%.

(Adaptado de Magnoli, D. e Araújo, R. Geografia. A construção do mundo. São Paulo: Ed.Moderna, 2005).

A gravidez precoce desponta como um dos temas de destaque nos estudos demográficos do Brasil atual, porque:

A)

a proporção elevada de mortes das adolescentes no momento do parto redistribui a base da pirâmide etária, aproximando os índices brasileiros aos de diversos países com baixo índice de desenvolvimento humano (IDH).

B)

esse tipo de gravidez apresenta taxas elevadas nas áreas mais carentes, reduzindo a possibilidade de políticas distributivas nesses espaços.

C)

grande parte das mães adolescentes abandona os estudos regulares, encontrando dificuldades de inserção igualitária no mercado de trabalho formal.

D)

aumenta expressivamente as taxas de mortalidade no país, reduzindo a expectativa de vida da população adulta.

E)

diminui o índice de crescimento vegetativo no país, afetando a formação da População Economicamente Ativa (PEA) que é produtora de riquezas.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

22)

“A taxa de fecundidade varia principalmente de acordo com o nível de instrução e a faixa de renda”. Nas faixas mais ricas da população brasileira, o padrão é europeu. Nas mais pobres, o patamar é africano. ”Isso quer dizer que:

A)

a taxa de natalidade tem caído por igual no território brasileiro.

B)

a taxa de natalidade é menor entre a população negra no Brasil.

C)

que a população mais rica do Brasil é a que tem mais filhos.

D)

que a taxa de fecundidade é maior nas populações de baixa renda.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

ID: 33086

23)

A participação da mulher na população economicamente ativa do Brasil aumentou bastante nos últimos anos, levando a uma série de consequências na dinâmica populacional do nosso país. Assinale a alternativa que apresenta uma consequência importante dessa dinâmica:

A)

A diminuição da utilização de métodos anticoncepcionais no Brasil, responsável pela elevação do ritmo de crescimento populacional.

B)

Haverá necessidade de, num futuro bem próximo, abrir as portas à emigração, pois o excesso de população economicamente ativa comprometerá a dinâmica do trabalhador no mercado de trabalho.

C)

Será necessário adotar uma política natalista, com controle de natalidade.

D)

A taxa de fecundidade sofrerá, cada vez mais, uma significativa redução.

E)

Haverá uma tendência do aumento da população jovem.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

24)

As desigualdades no bem-estar das populações dos dois países, destacados pelas setas nos mapas abaixo, apontadas pelo mais recente relatório do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e divulgado pelo PNUD (Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento), foram medidas considerando-se os seguintes indicadores:

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UESPI20101geo16.PNG

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UESPI20101geo16a.PNG

1) esperança média de vida ao nascer.2) acesso ao conhecimento, com base na alfabetização e na escolarização.3) PIB per capita, associado ao poder de compra em dólares americanos.4) localização geográfica.5) consumo diário de calorias. Estão corretas:

A)

1 e 2 apenas

B)

1, 2 e 3 apenas

C)

3, 4 e 5 apenas

D)

1, 3, 4 e 5 apenas

E)

1, 2, 3, 4 e 5

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

25)

O Brasil, com seus mais de 180 milhões de habitantes, é a quinta nação mais populosa do planeta. Sobre esse assunto, assinale a afirmativa que não corresponde à realidade.

A)

Apesar de o deslocamento da população do Nordeste para o Sudeste continuar ocorrendo, as correntes migratórias internas no país estão sofrendo uma diversificação.

B)

O crescimento demográfico brasileiro vem acompanhando uma certa tendência mundial, ou seja, apresentando uma aceleração em face da taxa de fecundidade que se encontra crescente.

C)

O aparecimento de novos pólos de atração vem incentivando o movimento de migrantes no interior dos estados ou das macrorregiões.

D)

A urbanização do Brasil consolidou-se na década de 1970, época em que a população residente nas cidades excede o número de moradores das áreas rurais.

E)

A mortalidade infantil, no Brasil, varia bastante de uma região para outra; esse problema associa-se à qualidade de vida nas localidades e, também, ao grau de instrução dos pais.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

26)

Marque a alternativa que completa corretamente a lacuna da seguinte frase:

Denomina-se ________________________a diferença entre os índices de natalidade e os de mortalidade.

A)

crescimento natural ou vegetativo.

B)

crescimento demográfico moderado.

C)

população relativa.

D)

taxa de variação da população.

E)

taxa de crescimento geométrico.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

27)

Assinale a alternativa correta. O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) é constituído por três componentes:

A)

Esperança de vida ao nascer; nível educacional; rendimento.

B)

Controle de natalidade; expectativa de vida; rendimento.

C)

Poder aquisitivo; taxa de emprego; taxa de analfabetismo.

D)

Taxa de emprego; escolarização infantil; taxa de mortalidade.

E)

Taxa de mortalidade; taxa de alfabetização; rendimento assalariado.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

28)

Ao longo do século XIX e até a primeira metade do século XX, o Brasil se caracterizou por ser um país de imigração. Por razões quase sempre de ordem econômica, milhares de migrantes europeus e asiáticos desembarcaram nos portos brasileiros, principalmente no Rio de Janeiro e em Santos. Antes disso, por conta do regime escravocrata, milhões de africanos foram forçados a migrar para o Brasil. Contudo, a segunda metade do século XX e os primeiros anos do século XXI, revelam uma mudança no panorama migratório do Brasil. Há mais brasileiros deixando o país do que estrangeiros se estabelecendo no Brasil, nessas últimas cinco décadas. Em relação a esse tema, analise as afirmações abaixo:

I - As crises econômicas decorrentes das transformações no campo e nas cidades europeias com as revoluções agrícola e industrial foram importantes causas para a mobilização de milhares de migrantes que deixaram o Velho Mundo para tentar a vida na América.

II - Parte dos imigrantes italianos que se estabeleceram no estado de São Paulo, principalmente, vieram substituir a mão-de-obra escrava, oficialmente proibida após a Lei Áurea.

III - No estado do Paraná, o grupo imigrante mais numeroso foi o alemão, que se fixou tanto na capital, como em diversas colônias do centro-sul do estado.

IV - Entre os destinos da maior parte dos brasileiros que emigram do país, estão os Estados Unidos, diversos países europeus, o Japão e até mesmo vizinhos sul-americanos, como a Bolívia e o Paraguai.

V-  Se comparamos as razões para os dois períodos de imigração mencionados no texto, pode-se afirmar que, na atualidade o fator econômico, ou seja, a busca por uma melhoria na qualidade de vida, não é mais o principal motivador para a migração.

VI - Em meio à emigração de tantos brasileiros, há também a chamada “migração de cérebros”, quando parte de nossos pesquisadores são atraídos por melhores condições de trabalho no exterior, e a “migração de esportistas”, especialmente os futebolistas.

Estão CORRETAS as afirmativas:

A)

I, II, IV e VI.

B)

I, III e V, apenas.

C)

I, II, III e VI.

D)

II, IV e V, apenas.

E)

II, III, IV e VI.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

29)

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UENP2012veraoGEOG49.PNG

O Brasil é classificado pela ONU como sendo um país de alto desenvolvimento humano. De 2009 para 2010, ele subiu 4 posições no ranking e ficou em 73º lugar, entre 169 países e territórios avaliados. Sobre a questão, marque a alternativa INCORRETA.

A)

Mesmo com alteração na metodologia de cálculo do IDH (de 2006, período do gráfico, e 2010) o Brasil continua sendo considerado um país de alto desenvolvimento humano.

B)

O índice brasileiro, de 0,699, situa o país entre os de alto desenvolvimento humano, é maior que a média mundial (0,624) e parecido com o do conjunto dos países da América Latina e Caribe (0,704).

C)

A reformulação do IDH, em 2010, resultou em aprimoramento, mas implicou uma redução no número de países e territórios abrangidos: 15 (incluindo Cuba, Omã e Líbano) saíram da lista por não disporem de informações verificáveis para, pelo menos um dos quatro indicadores usados no índice.

D)

Quando reformulou sua metodologia de cálculo no subíndice de renda, o PIB (Produto Interno Bruto) per capita foi substituído pela Renda Nacional Bruta (RNB) per capita, o IDH passou a considerar o progresso apenas em termos econômicos.

E)

Na última década, a expectativa de vida dos brasileiros aumentou 2,7 anos, a média de escolaridade cresceu 1,7 ano e os anos de escolaridade esperada recuaram em 0,8 ano. A renda nacional bruta teve alta de 27% no período.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

30)

Analise a tabela.http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UFTM2012geog25.bmpOs dados da tabela e seus conhecimentos geográficos permitem afirmar que

A)

o indicador exprime as diferenças regionais no desenvolvimento da tecnologia para agricultura.

B)

a tabela retrata as condições de vida das populações nos diversos países do mundo.

C)

o índice reflete o ranking dos países mais povoados.

D)

a parcela da população que vive sob fortes privações apresenta alto desenvolvimento humano.

E)

a posição dos países no ranking é calculada pela estabilidade econômica.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

31)

O Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil aumentou entre 2005 e 2006 e o país ficou na 70ª posição em um ranking de 179 nações e territórios — maior número já considerado, dois a mais que no ano anterior —, de acordo com dados divulgados pelo PNUD. Dadas as proposições abaixo, sobre o IDH brasileiro,

I. O fator mais relevante para a melhoria do país foi o avanço no índice relativo à taxa de alfabetização.

II. O IDH é composto de três subíndices: longevidade, renda e educação.

III. O Brasil atingiu IDH de 0,802 em 2005 e de 0,807 em 2006. O índice varia de 0 a 1. O resultado mantém o país entre as nações de alto desenvolvimento humano.

IV. Chile, Argentina, Uruguai, México e Venezuela são exemplos de países latinos que apresentaram IDH maior do que o Brasil.

V. O Brasil apresenta um componente muito captado pelos cálculos do IDH, a desigualdade sócio-econômica, ou desigualdade na distribuição de renda.

 

Estão corretas

A)

I e II, apenas.

B)

II e V, apenas.

C)

I, III e IV.

D)

III, IV e V.

E)

I, II, III e IV.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

32)

A)

B)

C)

D)

 

Resposta:

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

33)

Todos os anos, entre 2,5 milhões e 4 milhões de migrantes cruzam fronteiras internacionais sem autorização. Mais de 60% dos imigrantes de hoje vivem nas regiões mais ricas do mundo: Estados Unidos e Canadá, Europa, Japão e Austrália.

(Global Commission, UNPD e Secex. Adaptado)

A partir dessas informações e de seus conhecimentos, analise algumas causas das migrações internacionais.

I. Pobreza extrema: de acordo com a ONU, a miséria atinge elevadas parcelas das pessoas na África Subsaariana, no sul da Ásia e na América Latina.

II. Desemprego: a taxa no Oriente Médio e no norte da África é elevada, o dobro da dos países industrializados.

III. Educação: nas nações mais pobres, quase metade dos adultos são analfabetos, enquanto que nas ricas, o analfabetismo é quase inexistente.

IV. Qualidade de vida: a expectativa de vida em países pobres, devido aos avanços na medicina, é de 70 anos e nos ricos, de 90.

 

É correto o que se afirma em

A)

I, II, III e IV.

B)

I e II, apenas.

C)

I, III e IV, apenas.

D)

I, II e III, apenas.

E)

II e IV, apenas.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

34)

Observe o mapa com atenção:

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/pucsp0838geo.JPG

O mapa nos diz que

A)

grandes áreas de baixa população na África e no norte da América do Norte têm potencial para serem as áreas para desafogar as regiões litorâneas.

B)

em termos absolutos pode-se afirmar que a maioria da população mundial se concentra em países fora do mundo chamado desenvolvido.

C)

em razão da condição de pobreza e falta de políticas de controle de natalidade, o hemisfério sul do planeta concentra os maiores contingentes populacionais.

D)

a distribuição geográfica da população mundial indica que praticamente não há mais áreas que não possam ser habitadas pelo ser humano.

E)

os chamados países desenvolvidos apresentam uma menor parte da população mundial, o que também pode ser expresso pelas baixas densidades demográficas.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

35)

Todo país, seja subdesenvolvido ou desenvolvido, possui uma população economicamente ativa – PEA. Sobre a definição de PEA, assinale a afirmativa INCORRETA.

A)

O conceito de PEA abrange todas as pessoas que trabalham e também as que estão temporariamente desempregadas.

B)

O conceito exclui a população formada por aposentados, donas-de-casa, empregadas domésticas e estudantes.

C)

A PEA é constituída pela população adulta que desempenha uma atividade no mercado formal de emprego.

D)

A PEA é constituída pelas pessoas que integram o sistema produtivo e constituem a força de trabalho de um país.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________