Lista de questão: Espaço Rural        Quantidade de questões: 66        Criada por: MARCIO PADOVANI

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

1)

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UEPB20093geo08.png

Ao observar o cartograma com a distribuição das terras mais férteis do mundo, é correto afirmar:

A)

Nas regiões tropicais, onde chove em abundância, os solos são pobres em função da lixiviação.

B)

As áreas naturalmente férteis estão entre as que abrigam as mais altas concentrações demográficas. Resultado de um processo histórico de atração populacional para a prática da agricultura.

C)

O avanço das técnicas fez com que todos os solos se tornassem férteis, daí a localização das terras férteis do cartograma estar associada às áreas que despertaram interesse para a produção capitalista.

D)

A relação entre fertilidade do solo e agricultura não pode ser estabelecida, pois as grandes civilizações do passado surgiram em regiões muito áridas e de clima muito adverso.

E)

As áreas mais férteis do mundo se restringem aos países onde a agricultura se fez acompanhar com práticas agrícolas modernas de preservação do solo e de respeito à natureza, a exemplo dos Belts americano, da Europa, do Centro-sul do Brasil e do Sudeste asiático.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

2)

A agricultura é uma atividade econômica de fundamental importância para a sociedade. Conhecer o solo que se cultiva e as características específicas de cada tipo de solo é imprescindível, para que seja possível obter resultados satisfatórios no que concerne à produtividade.

 

Nesse contexto, pode-se afirmar que, no Brasil,

A)

os latossolos são utilizados exclusivamente pelos sistemas de subsistência.

B)

o sistema de jardinagem, amplamente adotado no Nordeste, é um cultivo extensivo, com a produção voltada para a exportação e exige pouca mão de obra.

C)

os solos hidromórficos são os mais férteis do país, seu potencial agrícola é enorme, dispensando os fertilizantes, sendo neles cultivados, principalmente, o arroz.

D)

os latossolos são, em geral, solos com baixa acidez, pouco profundos e impermeáveis, apresentando, consequentemente, uma baixa produtividade.

E)

os custos de produção são reduzidos, nas áreas onde o sistema de manejo integrado é utilizado, e o uso de agrotóxicos é bem menor, verificando-se uma melhora significativa na qualidade dos produtos.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

3)

Uma das características do setor agropecuário, na atualidade, é a alta especialização produtiva, que reforça a necessidade de circulação de alimentos pelo planeta. Como, todavia, os custos de produção são muito distintos nas diferentes porções do globo, políticas de subsídios agrícolas e de barreiras protecionistas foram e continuam sendo adotados por alguns países, no sentido de proteger seus produtos rurais.

 

Sobre a política de subsídios agrícolas e barreiras protecionistas é CORRETO afirmar:

A)

O subsídio na Europa ajudará o consumidor europeu a comprar maior quantidade de produtos agrícolas de países mais pobres.

B)

Os europeus defendem o livre comércio como solução para os problemas econômicos pós globalização, mas praticam o protecionismo na política interna. Isso prejudica os países de economia emergente, como o Brasil, que não tem como concorrer com os produtos europeus em igualdade de condições.

C)

A política de subsídio interno é muito praticada pelo governo brasileiro, o que impede maior volume de negócios, entre os outros países europeus.

D)

O Brasil e a maioria dos países em desenvolvimento se beneficiam dos subsídios praticados pelos países europeus e os Estados Unidos, pois estabelece bases justas para a comercialização de produtos agrícolas.

E)

A União Europeia destinou 55 bilhões de euros à agricultura, o que provocou grandes protestos contrários por parte dos agricultores.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

4)

O espaço rural brasileiro tem sofrido expressivas transformações nas últimas décadas. Esse fato influencia a estrutura fundiária e o processo produtivo.

 

Sobre essa situação, pode-se afirmar:

A)

A estrutura fundiária atual favorece os conflitos entre posseiros, grileiros e trabalhadores sem terra, pois a reforma agrária implantada na década de 70 do século passado só foi efetivada no Norte, em uma região conhecida como Bico de Papagaio.

B)

O predomínio dos latifúndios por exploração, os conflitos fundiários e a prática da monocultura destinada ao consumo interno, no Nordeste, explicam a estagnação econômica dessa região.

C)

Os incentivos fiscais, o uso de tecnologia de ponta e a formação de cooperativas agrícolas, na década de 90 do século passado, devolveram à cacauicultura a importância que ela tinha no início da República e, hoje, o país é, mais uma vez, o primeiro exportador mundial do produto e de seu derivado, o chocolate.

D)

A produção de soja, no Brasil atual, ocorre no período de entressafra dos países do Hemisfério Norte, o que favorece os produtores nacionais, pois esses países são os maiores compradores da soja brasileira.

E)

O trigo, trazido pelos colonizadores, encontra condições favoráveis no norte do Paraná e, atualmente, esse Estado é o maior exportador do produto para os países andinos e para a Argentina.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

5)

Um agricultor adquiriu alguns alqueires de terra para cultivar e residir no local. O desenho abaixo representa parte de suas terras.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/questoesoffline/questoes/95142-879-imgs/img1.jpg

Pensando em construir sua moradia no lado I do rio e plantar no lado II, o agricultor consultou seus vizinhos e escutou as frases abaixo. Assinale a frase do vizinho que deu a sugestão mais correta.

A)

“O terreno só se presta ao plantio, revolvendo o solo com arado.”

B)

“Não plante neste local, porque é impossível evitar a erosão”.

C)

“Pode ser utilizado, desde que se plante em curvas de nível”.

D)

“Você perderá sua plantação, quando as chuvas provocarem inundação”.

E)

“Plante forragem para pasto”.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

6)

As charges abaixo ilustram um dos problemas que tem ocupado os noticiários de todo o mundo. A crise mundial de alimentos trouxe para o debate um conjunto de temas polêmicos que, em diversas situações, têm colocado em posições opostas os interesses das nações desenvolvidas ou em desenvolvimento. Dentre os fatores que têm sido apontados como causas do problema, assinale aquele que afeta mais diretamente os interesses estratégicos do Brasil.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/PUCMG20091semestreGEO14.png

A)

A produção do etanol e do biodiesel, que estaria provocando a substituição das lavouras de alimentos pela cultura da cana-de-açúcar e de oleaginosas como a mamona.

B)

A produção do etanol à base de milho que, além de apresentar alto custo de produção, trouxe como consequência a elevação dos preços mundiais do cereal.

C)

A especulação internacional no mercado futuro de comodities (matérias-primas), que produziu uma escalada mundial de preços dos produtos básicos de alimentação.

D)

A explosão populacional, que trouxe como consequência uma defasagem extremamente grave entre o crescimento da demanda por alimentos e a elevação da produção.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

7)

Associou-se corretamente a classe dos trabalhadores rurais à sua respectiva característica em:

A)

posseiros – pagam aluguel de suas áreas em dinheiro ou com parte de sua produção.

B)

parceiros – instalam-se em terras que não lhes pertencem como as devolutas ou de terceiros.

C)

assalariados temporários – contratados por empreitadas com direito à moradia e alimentação.

D)

pequenos proprietários – cultivam na própria terra para abastecer a família e o mercado interno.

E)

arrendatários – compram a terra de um proprietário do campo para produção de subsistência.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

8)

Os transgênicos são organismos resultantes do cruzamento de material genético de espécies diferentes. A busca, através do cruzamento de novas variedades vegetais, a fim de se obter plantas mais produtivas ou resistentes a pragas, é antiga e habitual na agricultura de todas as sociedades. As técnicas modernas de engenharia genética permitem que se retirem genes de um organismo e se transfiram para uma outra espécie. Esses genes “estrangeiros“ modificam a sequência de DNA — que contém as características de um ser vivo organismo receptor, que sofre um tipo de reprogramação, transformando-se em uma nova espécie.

Esses novos seres são os chamados transgênicos, ou organismos geneticamente modificados (OGMs). Soja combinada com bactéria, milho combinado com escorpião, peixes com gene de morango, são algumas das estranhas misturas que se tornaram realidade pelas técnicas da engenharia genética que permitem cruzamentos que antes não existiam na natureza.

O principal interesse econômico nessa técnica é

A)

criar novas espécies com maiores capacidades produtivas.

B)

impedir que o fruto ou grão de uma variedade comercial se torne uma semente, exterminando assim o potencial reprodutivo daquela planta.

C)

garantir a qualidade do produto para as futuras gerações.

D)

impedir que pragas interfiram na produtividade e assim garantir alimentos para a espécie humana.

E)

impedir que a polinização de outras espécies interfira no processo reprodutivo do fruto, garantindo assim fartas colheitas.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

ID: 63737

9)

Observe as afirmações sobre a produção agropecuária e as novas relações cidade-campo.

I - A grande evolução tecnológica ocorrida com a Revolução Industrial propiciou o aumento da produção, a transição da manufatura para a indústria e a ampliação da divisão do trabalho. A industrialização consolidou a sociedade rural baseada em unidades produtivas autônomas e a subordinação da cidade ao campo, dando lugar a uma sociedade tipicamente rural.

II - Nos países desenvolvidos e industrializados, a produção agrícola foi intensificada por meio da modernização das técnicas empregadas, utilizando cada vez menos mão de obra. Enquanto isso, nos países subdesenvolvidos, as regiões agrícolas, principais responsáveis pelo abastecimento do mercado externo, passam por semelhante processo de modernização das técnicas de cultivo e colheita, mas, aliado a isso, tem-se o êxodo rural acelerado, que promove a expulsão dos trabalhadores agrícolas para as periferias das grandes cidades.

III - De acordo com o grau de capitalização e o índice de produtividade, a produção agropecuária pode ser classificada em intensiva ou extensiva. A agropecuária intensiva ocorre nas propriedades que utilizam técnicas rudimentares, com baixo índice de exploração da terra e, consequentemente, alcançam baixos índices de produtividade. Já as propriedades que adotam modernas técnicas de preparo do solo, cultivo, colheita e, apresentam elevados índices de produtividades são classificadas em extensiva.

IV - Atualmente, observa-se a tendência à grande penetração do capital agroindustrial no campo, tanto nos setores voltados ao mercado externo quanto ao mercado interno. Nesse sentido, verifica-se que a produção agrícola tradicional tende a se especializar não para concorrer com o mais forte, mas para produzir a matéria-prima utilizada pela agroindústria.

 

Assinale a alternativa que apresenta as afirmações corretas.

A)

Apenas II e III.

B)

Apenas I, II e III.

C)

Apenas I, III e IV.

D)

Apenas II e IV.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

10)

O processo de modernização da economia brasileira interferiu no espaço rural, provocando mudanças.

 

Nesse contexto, é correto afirmar sobre o espaço rural:

A)

As atividades econômicas se ampliaram, aprofundando a desarticulação entre os segmentos agropecuário, industrial e de serviço.

B)

A produção rural se desenvolve de modo independente da dinâmica do capital urbano-industrial.

C)

A produção rural restringe a oferta de alimentos ao atendimento das demandas do mercado interno.

D)

As atividades econômicas se diversificaram, articulando os setores agropecuário, industrial e de serviço.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

11)

A partir da segunda metade do século XX, vários países do mundo, inclusive o Brasil, implantaram um sistema que visava o aumento da produção de alimentos.

Esse sistema caracterizou-se pela modernização do campo, principalmente por meio da introdução de novas técnicas de cultivo, tais como: uso intensivo de agrotóxicos no combate às pragas, aplicação de adubos e fertilizantes para a recuperação dos solos, emprego de máquinas e implementos agrícolas, além da utilização de sementes selecionadas, mais resistentes e produtivas.

O texto faz referência à

A)

agricultura de precisão.

B)

revolução agropecuária.

C)

revolução verde.

D)

agricultura empresarial.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

12)

Pedro comprou 100 hectares de terra na zona rural de um município do Estado do Acre, com o objetivo de residir e cultivar no local. Parte de suas terras está representada na figura a seguir:

0

Com relação à utilização das áreas I e II das terras de Pedro, pode-se dizer:

A)

As áreas I e II não apresentam nenhuma restrição quanto ao uso.

B)

A área I apresenta áreas de preservação permanente (APPs), mas pode ser utilizada para pastagem.

C)

O cultivo é indicado para a área II, porém, deve-se lembrar que a mata ciliar deve ser preservada, por se tratar de uma Área de Preservação Permanente.

D)

Pedro pode retirar a mata ciliar das áreas I e II e cultivar às margens do rio, pois nestas áreas a fertilidade do solo é maior.

E)

A melhor área para Pedro cultivar e fazer a sua casa é a área I, já que não há nenhum risco de erosão e, ou, impedimento legal.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

13)

Observe atentamente o mapa. Ele representa as áreas onde originalmente várias plantas alimentícias, que nos são muito familiares, foram domesticadas.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/pucsp0772geo.JPG

Tendo em vista o mapa e os fluxos atuais de mercadorias agrícolas no mundo, justifica-se que

A)

a China seja o maior produtor e o grande exportador para a Europa e os EUA dos grãos mais consumidos no mundo, o arroz e a soja.

B)

a mais importante atividade econômica da América Latina seja a exportação agrícola, visto que várias plantas como o milho, a batata, feijão, etc., têm origem nessa região.

C)

algumas das frutas tenham origem na faixa intertropical do planeta. Isso explica por que elas não podem ser produtos importantes de exportação para as áreas mais frias do planeta.

D)

a maioria das plantas comestíveis tenham vindo de partes do mundo que estão entre os países menos desenvolvidos, mas isso não lhes garantiu a condição de maiores produtores agrícolas.

E)

o planeta seja dependente da Europa para o consumo do pão, visto que o trigo é uma planta somente adaptada nesse continente, que assim se torna a única área exportadora.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

14)

Considerando as seguintes afirmações sobre a produção agrícola brasileira:

I. O produto é de elevado valor proteico, ocupa extensas terras no país, tornando-se, em alguns estados, a cultura principal. Grande parcela da produção nacional destina-se à exportação.

II. É um produto de grande difusão em vários estados brasileiros e esteve associado à suinocultura. Recentemente, sua lavoura tem se modernizado e sua produção tem sido exportada.

Essas afirmações referem-se aos seguintes produtos, respectivamente:

A)

Soja e milho

B)

Laranja e feijão

C)

Café e trigo

D)

Cana-de-açúcar e algodão

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

15)

A Ruvana é legal?

A)

Sim

B)

Não

C)

Como todo mundo

D)

Mais ou menos

E)

Depende da opinião de cada um, mas ela se esforça para isso.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

16)

Responder à questão abaixo considerando as afirmativas a seguir, que tratam dos sujeitos que atuam no espaço agrário brasileiro.

I. Posseiro é o agricultor que ocupa terras abandonadas; legalmente pode valer-se do usucapião para reclamar a posse definitiva das terras após ocupá-las por certo tempo, dependendo dos casos estabelecidos em lei.

II. Gato é o especulador de terras que se apropria de grandes áreas, falsificando títulos de propriedade rural.

III. Grileiro é o empresário que arregimenta trabalhadores que vivem na sua localidade para levá-los a outras regiões do país com promessas que costumam não ser cumpridas, podendo, inclusive, gerar trabalho escravo.

IV. Meeiro é o trabalhador, geralmente desprovido de terras, que oferece sua mão-de-obra e seus equipamentos em troca de uma parte da produção, conforme acordo firmado com o proprietário da terra a ser trabalhada.

 

As afirmativas corretas são, apenas,

A)

I e II.

B)

I e IV.

C)

II e III.

D)

III e IV.

E)

I, II e IV.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

17)

Nos primeiros 15 anos de vigência do Estatuto da Terra (1964-1979), o capítulo relativo à reforma agrária, na prática, foi abandonado, enquanto o que tratava da política agrícola foi executado em larga escala. Em vez de dividir a propriedade, porém, o capitalismo impulsionado pelo regime militar brasileiro (1964-1984) promoveu a modernização do latifúndio, por meio do crédito rural fortemente subsidiado e abundante. O dinheiro farto e barato, aliado ao estímulo à cultura da soja - para gerar grandes excedentes exportáveis - propiciou a incorporação das pequenas propriedades rurais pelas médias e grandes: a soja exigia maiores propriedades e o crédito facilitava a aquisição de terra. Assim, quanto mais terra tivesse o proprietário, mais crédito recebia e mais terra podia comprar.

Assinale a alternativa que corresponde à região brasileira com maior concentração fundiária.

Os gráficos foram extraídos do Atlas Fundiário Brasileiro – Sistema Nacional de Cadastro Rural (1996).

A)

Centro-oeste

0

B)

Nordeste

0

C)

Norte

0

D)

Sudeste

0

E)

Sul

0

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

18)

No atual modelo agrícola mundial, a soja é um dos principais produtos. A tabela mostra os principais países produtores de soja em 2001.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/UEMS20009geo54.png

Com base nas informações da tabela, é correto afirmar que:

A)

o Brasil, apesar de ser o segundo maior produtor de soja, apresenta produtividade menor do que a China.

B)

os EUA têm a maior participação na produção mundial, no entanto sua produtividade é menor do que Argentina, Brasil e Paraguai.

C)

a produção da Argentina e do Brasil somadas é maior do que a dos EUA, mesmo considerando-se a menor produtividade deste.

D)

a produção de soja possui uma estrutura bastante tecnificada, por isso países como a Índia estão entre os maiores produtores mundiais.

E)

a produção de soja é realizada em pequenas extensões de terra, por isso o Paraguai apresenta a maior produtividade.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

19)

Leia o texto.

[...Da área total do país, apenas 30% tem agropecuária. O restante são terras com matas, áreas urbanas, pântanos, areais, entre outras paisagens. Mas, o lamentável são as terras sem plantações, evidenciando uma especulação e uma megalomania rural entre as elites brasileiras, pela qual a projeção social e o prestígio político estão relacionados à posse de grandes áreas de terra...]

(Incra, 2000)

O texto revela

A)

a ideologia sonhada por milhões de brasileiros, ter a “casinha” no campo.

B)

o subaproveitamento das terras e a gravidade da improdutividade no país.

C)

a urgência de uma reforma agrária atendendo os grandes proprietários rurais.

D)

a preocupação das autoridades em distribuir terras para a população rural.

E)

o atraso do país pela baixa produtividade na agricultura e pecuária.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

20)

Observe a figura.

0

 Entre os avanços da biotecnologia, um deles, o da pesquisa genômica, vem desenvolvendo um novo campo que tem gerado muita controvérsia na sociedade: a produção de organismos geneticamente modificados (OGMs).

Dentre as afirmativas a seguir, aponte a que melhor explica a figura.

A)

Apesar dos benefícios em termos de produtividade, o uso de alimentos transgênicos traz comprovados problemas de saúde a longo prazo, especialmente para as crianças.

B)

A adoção de culturas transgênicas aumenta a produtividade da lavoura e diminui o uso de agrotóxicos.

C)

Por tornar as plantas mais resistentes a pragas e doenças e por exigir menor quantidade de agrotóxicos, o uso dos transgênicos tende a contribuir para uma melhoria do meio ambiente, mas os efeitos do seu consumo sobre o organismo humano ainda não estão plenamente testados.

D)

Um dos principais problemas decorrentes da adoção de transgênicos é o monopólio da produção de sementes e de agrotóxicos especializados por grandes empresas multinacionais.

E)

A adoção de culturas transgênicas favorece o controle biológico de pragas, mas pode oferecer riscos à saúde.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

21)

Observe a figura a seguir, que representa a estrutura fundiária brasileira:

0

Com base na análise da figura acima e nos seus conhecimentos sobre a questão agrária brasileira, assinale a afirmativa correta:

A)

A área com predomínio de grandes propriedades coincide com a das regiões de expansão da fronteira agrícola e de agricultura comercial, voltada sobretudo para a exportação.

B)

A região Sul apresenta o maior número de latifúndios, em virtude do processo de ocupação baseado em padrões modernos de cultivo do café e da ação das agroindústrias.

C)

O Nordeste brasileiro é caracterizado pela mescla entre grandes latifúndios destinados à produção de cana-de-açúcar e minifúndios modernizados e improdutivos.

D)

A região Sudeste apresenta predomínio de minifúndios, em decorrência do processo de industrialização e urbanização do campo, que permitiu o retorno dos trabalhadores ao campo.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

22)

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/fundiaria.JPG

NÃO é correto afirmar a respeito da estrutura fundiária brasileira que

A)

os minifúndios são, geralmente, explorados pelos agricultores e suas famílias.

B)

os latifúndios se caracterizam pela ociosidade e subaproveitamento da terra.

C)

os estabelecimentos, com áreas menores de 100 ha, responsabilizam-se pelas culturas de exportação.

D)

as propriedades rurais, com extensão acima de 1000 ha, indicam a necessidade de uma reforma agrária no País.

E)

os estabelecimentos rurais, com área superior a 1000 ha, ocupam uma extensa porção das melhores terras agrícolas do País.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

23)

“Seja no mundo industrializado, onde as comunidades agrícolas estão envelhecendo e se esvaziando, ou nos países em desenvolvimento, onde o crescimento populacional está elevando cada vez mais o número de lavradores e cada geração herdando lotes menores, é cada vez mais difícil tirar o sustento da agricultura. Uma combinação de declínio de renda, elevação de dívida e agravamento da pobreza rural, está forçando mais pessoas a abandonarem a lavoura como atividade principal, ou o próprio campo – uma encruzilhada desnorteante, considerando que os fazendeiros produzem o único bem do qual a raça humana não pode se privar.”

Fonte: www.wwiuma.org.br

Com base nas informações do texto e em relação à questão agrária mundial, pode-se AFIRMAR que:

A)

após 1945, o esvaziamento do campo tornou-se um fenômeno exclusivo dos países em desenvolvimento.

B)

a adoção de uma política malthusiana solucionaria os problemas do empobrecimento da população rural.

C)

os números declinantes da população rural significam uma redução da importância da agricultura em todo o mundo.

D)

o processo de concentração de terras ocorre tanto em países industrializados como em países em desenvolvimento.

E)

a parcela de maior lucro do produto agrícola está no trabalho do fazendeiro, prejudicando as indústrias de processamento.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

24)

A pecuária em que o rebanho é criado obedecendo a métodos modernos que permitem uma seleção do gado para o corte, reprodução ou leite, utilizando pasto plantado e rações suplementares, é denominada:

A)

Pecuária Intensiva.

B)

Pecuária Extensiva.

C)

Pecuária Nômade.

D)

Pecuária Ultra-extensiva.

E)

Pecuária de espaços semi-áridos.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

25)

O Brasil possui uma estrutura fundiária caracterizada pela concentração da terra e pela existência de latifúndios, dos quais muitos são improdutivos. Tal modelo é secular e foi implantado desde o início da colonização. Nesse contexto, as relações trabalhistas são bastante difíceis, tensas e desiguais.

 

De acordo com o regime de atuação, os trabalhadores rurais podem ser classificados em várias categorias, como, por exemplo, os parceiros, que têm como características

A)

cultivarem a sua própria terra, para abastecer a família e para negociar no mercado local.

B)

alugarem a terra de alguém, pagando em dinheiro, dispondo, em geral, de certo capital e de equipamentos.

C)

trabalharem na terra de outra pessoa, em troca de parte da produção obtida.

D)

instalarem-se em terras que não lhes pertencem legalmente, ou seja, terras devolutas ou de terceiros.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

26)

Atualmente o espaço rural não sedia apenas atividades agrárias. Nele também se localizam outras atividades que vem se multiplicando nas últimas décadas.

 

Assinale a alternativa INCORRETA que não exemplifica essas atividades.

A)

Clínicas de repouso (spas) e colônias de férias.

B)

Hotéis-fazenda, turismo rural e ecológico.

C)

Chácaras de lazer em final de semana.

D)

Conglomerados fabris que abastecem os condomínios localizados na área rural.

E)

Turismo de evento (workshop) e de treinamento empresarial, isto é, hotéis preparados para sediar eventos ou cursos de atualização de funcionários de empresas, por exemplo.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

27)

O agronegócio, também conhecido por seu nome em inglês agribusiness, cujas cadeias produtivas se baseiam na agricultura e na pecuária, apresenta um grande dinamismo econômico e pode fazer do Brasil um dos maiores produtores agropecuários do mundo.

 

Com relação ao agronegócio no Brasil, assinale V (Verdadeiro) ou F (Falso) para as seguintes afirmativas.

 

( ) O café, a soja, o álcool e o açúcar juntamente com a pecuária podem ser considerados as estrelas do agronegócio brasileiro. Esses produtos garantem um volume elevado na pauta de exportações no país.

( ) A expansão monocultora de árvores como o eucalipto, o pinus e a acácia também tem contribuído para a fortificação do agronegócio brasileiro, uma vez que está comprovado que essa expansão não causará consequências socioambientais.

( ) A agropecuária brasileira “deu uma tremenda volta por cima” em 2006, uma vez que o setor começou o ano em uma situação ruim e com péssimas perspectivas, entre elas, os preços baixos no mercado internacional, o real com cotação alta, a seca rigorosa na região sul e a febre aftosa no gado.

( ) O agronegócio é o conjunto da cadeia produtiva ligado à agropecuária, incluindo todas as atividades de indústria e serviços de antes, durante e depois da produção. Essa cadeia movimenta a economia ao empregar trabalhadores, gerar renda e pagar impostos.

( ) A expansão do agronegócio no Brasil não provocou mudanças no campo, mas gerou riquezas e contribuiu para a desconcentração de rendas e terras. Essa expansão diminuiu, recentemente, o êxodo rural.

 

A sequência correta é apresentada na alternativa:

A)

V, F, V, V e F.

B)

V, V, F, F e V.

C)

F, V, V, F e V.

D)

F, F, V, F e F.

E)

V, V, V, F e F.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

28)

Os movimentos sociais mais expressivos do mundo ocorrem geralmente no espaço agrário e um dos seus princípios é o de que é necessário desarranjar uma dada situação para estabelecer novos modelos de organização.

 

Acerca desses movimentos, julgue como verdadeiras (V) ou falsas (F) as afirmativas abaixo.

 

( ) O MST (Movimentos dos Trabalhadores Rurais Sem Terra), nascido no interior do Brasil, tem como formas de luta os acampamentos e as ocupações de fazendas, em busca da posse da terra.

( ) A Revolução Mexicana desapropriou as “haciendas”, mas não distribuiu as terras à população camponesa.( ) A Revolução Chinesa decretou a reforma agrária, uma das principais reivindicações da população camponesa.

( ) A Revolução Russa resultou no sistema de produção agrícola baseado em fazendas coletivas (“kolkhoses”), em fazendas estatais (“sovkhoses”) e em unidades familiares.

( ) A Revolução Cubana ocorreu quando guerrilheiros camponeses tomaram o poder, destituindo o ditador Fulgêncio Batista, e realizaram a distribuição de terras agrícolas.

 

A sequência correta é

A)

V, F, V, V, V

B)

V, F, V, V, F

C)

V, V, V, V, F

D)

F, F, F, V, F

E)

V, F, F, V, V

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

29)

A região Centro-Oeste do Brasil apresenta condições que beneficiam a produção de soja e de cana-de-açúcar, entre elas

A)

solos lateríticos.

B)

clima equatorial semiúmido.

C)

solos lixiviados.

D)

chuvas bem distribuídas ao longo do ano.

E)

clima tropical, com ausência de invernos rigorosos.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

30)

De acordo com o gráfico que mostra a relação campo/cidade, é correto afirmar que

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/uepb2008geo16.png

I. o campo domina cada vez mais a cidade, pois esta necessita de matérias-primas e alimentos baratos que não produz.

II. o campo tem o papel de produzir gêneros para exportação, garantindo desta forma a compra de bens industrializados e serviços e o pagamento da dívida externa.

III. a subordinação do campo à cidade se dá através da compra de tecnologia, bens de consumo e máquina, para produzir no padrão exigido pelo setor urbano/industrial.

IV. a introdução do modelo urbano/industrial no campo tem destruído os hábitos rurais, tecnologias originais e aspectos culturais, além de expulsar parte expressiva da população rural, via modernização.

Estão corretas apenas as alternativas:

A)

II, III e IV

B)

I e IV

C)

II e III

D)

I, II e IV

E)

I, II e III

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

31)

A questão refere-se aos seguintes mapas.

Relacionando-se as informações entre os mapas, é correto concluir que

A)

o crescimento da produção agropecuária, nos últimos anos, tornou-se dependente da expansão da área cultivada.

B)

as inovações introduzidas na agricultura geraram um aumento da produção das culturas destinadas ao mercado interno.

C)

o emprego de insumos industriais impulsiona o desenvolvimento capitalista no campo, aumentando as exportações brasileiras.

D)

o uso crescente das novas tecnologias no campo tem diminuído os problemas ambientais e as doenças associadas às práticas agrícolas.

E)

o uso da mecanização em áreas tradicionais democratizou o acesso às tecnologias de ponta, fracionando o número de estabelecimentos agrícolas.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

32)

No Brasil, quando o cidadão vai à feira, geralmente, compra produtos hortifrutigranjeiros de boa aparência. As frutas, por exemplo, estão cada vez maiores e raramente “bichadas”.

 

Com relação a esse fato, é correto afirmar que

A)

os subsídios governamentais repassados aos agricultores favorecem a produção e o comércio agrícola interno/externo.

B)

a transgenia, embora responsável pela produção segura de alimentos saudáveis, contamina o solo e o lençol freático.

C)

a produção de gêneros agrícolas para exportação e comercialização interna cumpre as determinações sanitárias brasileiras.

D)

o beneficiamento dos produtos agrícolas, nos centros urbanos detentores da tecnologia, diminui a interdependência entre campo e cidade.

E)

a exigência de determinados padrões para o cultivo e comercialização de produtos agrários subordina o campo ao capital industrial e financeiro.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

33)

Sobre o desenvolvimento das atividades agropecuárias e seus produtores no mundo, é correto afirmar que:

A)

a agricultura familiar camponesa continua existindo para garantir o lucro com a venda de seus produtos.

B)

os  cientistas  persistem  em  clonar  animais  e  plantas  para  dificultar  os  processos  produtivos  e  a reprodução das espécies.

C)

a  agropecuária  comercial  usa  herbicidas,  inseticidas,  fertilizantes  e  maquinários  para  reduzir  a degradação sociambiental.

D)

os  camponeses  garantem  a  reprodução  da  cultura,  da  economia,  de  técnicas,  laços  de  parentesco, valores e costumes.

E)

o  agronegócio  está  se  espalhando  por  diversos  países  do  mundo,  para  implantar  a  subsistência monocultora e sustentável.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

34)

Observe o gráfico sobre a estrutura ocupacional da força de trabalho agrícola.

 http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/Unemat2010geog38.png

 

Com relação ao gráfico, todas as alternativas estão corretas, exceto.

A)

A maior parte dos assalariados agrícolas é empregado pela agricultura patronal.

B)

A agricultura familiar ocupa força de trabalho quase quatro vezes maior do que a agricultura patronal.

C)

As estruturas ocupacionais da agricultura familiar e da agricultura patronal são basicamente semelhantes.

D)

Na agricultura, a mãodeobra familiar predomina largamente sobre a mãodeobra constituída por empregados.

E)

A estrutura ocupacional da agricultura patronal assemelha-se à da indústria de transformação, a qual é dominada pelos empregados assalariados.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

35)

Leia o trecho do poema de João Cabral de Melo Neto.

[...] “Vira usinas comeras terras que iam encontrando; com grandes canaviais todas as várzeas ocupando. O canavial é a boca com que primeiro vão devorando matas e capoeiras, pastos e cercados; com que devoram a terra onde um homem plantou seu roçado; depois os poucos metros onde ele plantou sua casa; depois o pouco espaço de que precisa um homem sentado; depois os sete palmos onde ele vai ser enterrado.”

Neto, João Cabral de Melo. O Rio ou a relação da viagem que faz o Capibaribe de Sua Nascente à Cidade do Recife. 1954.In BIGOTTO, Francisco José. Cana-Brava. Discutindo Geografia. São Paulo: Escala Educacional, ano 4, n.21, 2008. p. 43.

Com base nesse trecho do poema e nos estudos sobre o assunto, marque a alternativa INCORRETA.

A)

No trecho do poema, percebe-se que o roçado do pequeno proprietário sucumbe à expansão dos canaviais imposta pelas usinas, e isso se reflete em uma retração da produção dos alimentos.

B)

Para o poeta, os canaviais causam grandes mudanças na paisagem, tais como, destruição das várzeas, das matas e capoeiras, além do aniquilamento do pequeno lavrador que é obrigado a deixar o seu lugar.

C)

Esse trecho sobre a paisagem nordestina faz parte de um poema, escrito em 1954, que se mostra atual, principalmente, no que se refere à expansão da lavoura canavieira, que ocorre desde a década de 1970, nas fronteiras agrícolas da Amazônia. Essa lavoura promove a destruição das matas e gera conflitos de terra

D)

O poeta retrata uma paisagem nordestina que se assemelha, principalmente, à paisagem do Estado de São Paulo, onde há a maior produção de cana-de-açúcar do país.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

36)

Na planície avermelhada os juazeiros alargavam duas manchas verdes. Os infelizes tinham caminhado o dia inteiro, estavam cansados e famintos. Ordinariamente andavam pouco, mas como haviam repousado bastante na areia do rio seco, a viagem progredira bem três léguas. Fazia horas que procuravam uma sombra. [...] Arrastaram-se para lá, devagar, sinhá Vitória com o filho mais novo escanchado no quarto e o baú de folha na cabeça, Fabiano sombrio, cambaio, o aió a tiracolo, a cuia pendurada numa correia presa ao cinturão, a espingarda de pederneira no ombro. O menino mais velho e a cachorra Baleia iam atrás. Os juazeiros aproximaram-se, recuaram, sumiram-se. O menino mais velho pôs-se a chorar, sentou-se no chão. – Anda, condenado do diabo, gritou-lhe o pai. Não obtendo resultado, fustigou-o com a bainha da faca de ponta. Mas o pequeno esperneou acuado, depois sossegou, deitou-se, fechou os olhos. Fabiano ainda lhe deu algumas pancadas e esperou que ele se levantasse. Como isto não acontecesse, espiou os quatro cantos, zangado, praguejando baixo. A caatinga estendia-se, de um vermelho indeciso salpicado de manchas brancas que eram ossadas. O vôo negro dos urubus fazia círculos altos em redor de bichos moribundos. – Anda, excomungado. O pirralho não se mexeu, e Fabiano desejou matá-lo. Tinha o coração grosso, queria responsabilizar alguém pela sua desgraça. A seca aparecia-lhe como um fato necessário – e a obstinação da criança irritava-o. [...] (RAMOS, Graciliano. Vidas secas. 100. ed. Rio de Janeiro:Record, 2006. p. 9-10)

O hábitat do ser humano é a superfície terrestre. Com alto poder de adaptação e com um processo evolutivo de milhares de anos, o homem praticamente vive em qualquer parte da superfície da Terra. Pensando sobre o meio físico geográfico e a interação homem-meio, assinale a alternativa correta:

A)

O relevo, as rochas, o clima, as águas representam a base para o desenvolvimento da vida. A interação e a integração desses elementos com o meio biótico configurarão os diferentes ambientes naturais existentes no planeta.

B)

O sertão nordestino, retratado pelo texto, é constituído por um tipo de bioma conhecido como Caatinga e que pode ser caracterizado como uma região de planície, de solos pobres, rasos e arenosos, e com uma vegetação rasteira, de rios perenes, que bem adaptada à falta de água durante todo o ano, permanece verde e produzindo frutos.

C)

Os juazeiros citados no texto, assim como a palma, o açaí, a castanha e o jatobá, são frutos originários da Caatinga, utilizados para alimentação, e que estão hoje sendo estudados pelo seu potencial no uso medicinal.

D)

A seca nordestina foi e ainda é responsável pelo grande atraso econômico de toda a região. Por mais que se incrementem políticas voltadas para resolver esse problema, a situação só se acentua, fazendo que, diferentemente das demais regiões, o Nordeste esteja a cada ano com maior fluxo de emigrantes.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

37)

Com relação à organização do espaço agrário brasileiro, é correto afirmar:

A)

O sul do país se consolidou como uma região com predominância de minifúndios, que mantêm, exclusivamente, a tradição dos colonizadores europeus, e que se dedicam à produção de alimentos para o autoconsumo.

B)

A empresa agropecuária capitalista se caracteriza pela presença do trabalhador agregado e do trabalhador assalariado permanente.

C)

O agronegócio promove uma grande demanda de mão de obra, responsável pela fixação do homem ao campo e pelo aumento do número de pequenos proprietários rurais.

D)

A modernização do campo acelerou o ritmo das transformações nas relações de trabalho e reduziu a necessidade de mão de obra, promovendo a concentração de terras e de recursos.

E)

A expansão das fronteiras agrícolas para o Centro-Oeste vem contribuindo para a solução de problemas de estrutura fundiária, por criar pequenas e médias propriedades.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

38)

Tem sido comum falar em “novo rural brasileiro”. Além da multiplicação das atividades rurais, como o turismo rural e ecológico, ganhou destaque o advento do agrobusiness, os agronegócios ou, como preferem alguns, a agroindústria.

 

Assinale o que for INCORRETO sobre o agrobusiness.

A)

O termo designa toda uma cadeia de produção interligada, de bens que dependem uns dos outros: desde produtos agrícolas primários (soja, uva, fumo, algodão, café, pecuária, etc), máquinas e equipamentos agrícolas, adubos, fertilizantes, até os produtos agrícolas industrializados (óleos, cigarros, tecidos, vinhos, café solúvel).

B)

Não se trata de um setor que representa apenas o setor rural ou agrário. É um complexo que envolve atividades urbanas e rurais interligadas. Representa uma subordinação do campo à cidade ou, em outras palavras, uma modernização do campo.

C)

A viabilidade da soja no Brasil, especialmente na região dos cerrados (Mato Grosso, Goiás, Mato Grosso do Sul, oeste da Bahia, parte de Minas Gerais, sul do Piauí), foi resultado de pesquisas desenvolvidas recentemente, a partir de 2005, para a correção dos solos tidos como pobres e para o aprimoramento da planta e das técnicas de produção.

D)

A atividade básica do agrobusiness é a agropecuária modernizada, com elevada produtividade da terra, fruto da aplicação de uma tecnologia avançada (correção de solos, aprimoramento em laboratórios de raças de animais ou de cultivos) e de forte investimento de capitais.

E)

O grande destaque do agrobusiness brasileiro tem sido a soja, um produto que antes era importado e hoje representa cerca de 10% das exportações totais.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

39)

“Quando monopoliza o território, o capital cria, recria, redefine relações camponesas de produção familiar. Abre espaço para que a economia camponesa se desenvolva e com ela o campesinato como classe social. O campo continua povoado, e a população rural pode até se expandir. Nesse caso, o desenvolvimento do campo camponês pode possibilitar, simultaneamente, a distribuição de riqueza na área rural e nas cidades”. (OLIVEIRA; MARQUES (orgs), 2004, p. 42)

 

Analisando o texto acima, o autor está se referido aos seguintes fatos:

A)

que as relações no campo são inteiramente dominadas pela a cidade.

B)

que a produção camponesa está livre das influências da crise na agricultura.

C)

que a monopolização do território é criada pelo próprio camponês individual.

D)

que o texto em suas entrelinhas prega o fim do campesinato no Brasil.

E)

que o capital sujeitou a renda da terra gerada pelos camponeses à sua lógica.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

40)

Analisando  a   Tabela  1,  assinale  a alternativa correta.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/xinha/ufcspa2007geo33.PNG

A)

A categoria de estabelecimento Patronal é a mais indicada para o desenvolvimento de um país, pois sua produção é maior.

B)

Há grande concentração de terras nas mãos de poucos.

C)

Os totais dos estabelecimentos das categorias: Entidade Pública/Instit.Pia Religiosa superam em muito o total da categoria Familiar.

D)

As terras públicas formam a  maior  parte dos estabelecimentos brasileiros.

E)

O total de estabelecimentos da categoria Familiar é pouco representativo, se comparado com os totais de estabelecimentos de todas as outras categorias.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

41)

No que se refere as características da estrutura agrária e as relações de trabalho no campo brasileiro, é correto afirmar que:

 

I- O trabalho assalariado permanente predomina no Brasil e é consequência do processo capitalista que, por um lado, aumenta a produtividade rural e, por outro, dispensa o trabalhador temporário.

II- A Lei de Terra de 1850 promoveu uma distribuição mais igualitária da terra beneficiando europeus recém-chegados, negros libertos e outras pessoas sem recursos financeiros.

III- Os movimentos sociais no campo brasileiro, extravasaram as fronteiras do país e chegaram até o Paraguai. Os camponeses brasileiros emigraram com a esperança de obter terras, porém querem retornar e organizam-se no movimento dos brasiguaios.

 

Está correto o que se afirma em:

A)

apenas I

B)

I e II

C)

apenas III

D)

I e III

E)

II e III

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

42)

Existe, em diversos países do mundo, um sistema de criação que é feito em amplas áreas cercadas, onde o gado é solto para se alimentar da pastagem natural ou de restos de cultura, após a colheita das mesmas. Qual a denominação que é dada, em Geografia Agrária, a esse sistema de criação?

A)

Pecuária Intensiva

B)

Pecuária Ultra-extensiva

C)

Pecuária Ultra-intensiva

D)

Pecuária Nômade

E)

Pecuária Extensiva

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

43)

A Reforma Agrária, em síntese, deve buscar resolver os problemas da pobreza no campo, do abastecimento alimentar para a população em geral, e dos segmentos sociais que foram expropriados das terras que ocupavam quando ocorreu a modernização da agricultura brasileira.

 

Ainda sobre os objetivos da Reforma Agrária, assinale a alternativa INCORRETA.

A)

Deve promover a justiça social e acabar com a enorme concentração de riquezas ou de terras na mão de poucas pessoas.

B)

Deve financiar algumas condições complementares – crédito bancário facilitado, preços mínimos para certos produtos agrícolas, garantia de transporte, incentivo à modernização das técnicas.

C)

Deve promover a distribuição de terras, mas não precisa financiar a infraestrutura responsável pela produção, transporte e circulação da produção.

D)

Deve promover assistência técnica para a população que recebeu lotes, em razão das diferentes características físicas (solo, clima) de cada região.

E)

Deve estimular a produção de culturas destinadas ao abastecimento do mercado interno, promovendo principalmente o desenvolvimento local.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

44)

Os conhecimentos sobre solos, tipos de solos, uso e degradação permitem afirmar:

A)

Os solos arenosos são ácidos, possuem grande quantidade de água, por isso, dissolvem rapidamente os sais minerais e os nutrientes neles contidos e apresentam elevada fertilidade.

B)

Os latossolos que possuem pH abaixo de 7 são os mais favoráveis ao cultivo de produtos temperados, sendo rasos em decorrência da ausência do horizonte B.

C)

O escoamento superficial da água nas regiões temperadas e o uso do solo em curva de nível dão origem às ravinas, que são sulcos profundos e largos responsáveis pelo processo de desertificação.

D)

Os efeitos da lixiviação produzidos pelas águas pluviais, nas regiões intertropicais de clima úmido, podem tornar os solos estéreis quando submetidos ao uso intensivo.

 

 

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

45)

Desde a década de 1980, vem ocorrendo uma significativa expansão da produção de soja no território brasileiro, incorporando novas áreas agrícolas, que têm atraído grande número de pessoas dos estados do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

 

As áreas agrícolas a que o enunciado se refere correspondem ao

A)

sul do Tocantins e ao sudoeste do Maranhão.

B)

norte da Bahia e ao leste do Piauí.

C)

oeste da Bahia e ao sul do Piauí.

D)

norte do Tocantins e ao noroeste do Maranhão.

 

 

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

46)

A Lei de Terras consolidou o domínio dos latifúndios no Brasil, dificultando alcançar a sonhada reforma agrária. Na atualidade, o MST (Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra) é o principal movimento de luta pela terra.

 

Outro movimento social que ocorreu entre as décadas de 1950 e 1960, iniciado no estado de Pernambuco, com objetivos similares ao MST, foi denominado de

A)

Liga dos Sindicatos.

B)

Ligas Camponesas.

C)

Ligas Sertanejas.

D)

Ligas Operárias.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

47)

Leia duas descrições de agentes sociais muito presentes no campo brasileiro.

I. Pessoas que se apropriam ilegalmente de extensas porções de terra, obtendo frequentemente títulos de propriedade falsificados.

II. Pessoas que cultivam pequenos lotes de terra, em geral há muitos anos, sem possuir título de propriedade.

 

As descrições I e II correspondem, respectivamente, a

A)

grileiros e posseiros.

B)

jagunços e grileiros.

C)

peões e parceiros.

D)

empreiteiros e boias-frias.

E)

agregados e empresários.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

48)

O gráfico mostra o percentual de áreas ocupadas, segundo o tipo de propriedade rural no Brasil, no ano de 2006.

http://www.educandusweb.com.br/ewbco/portal/upload/questoesoffline/questoes/95140-1035-imgs/img1.jpg

 

De acordo com o gráfico e com referência à distribuição das áreas rurais no Brasil, conclui-se que

A)

imóveis improdutivos são predominantes em relação às demais formas de ocupação da terra no âmbito nacional e na maioria das regiões.

B)

o índice de 63,8% de imóveis improdutivos demonstra que grande parte do solo brasileiro é de baixa fertilidade, impróprio para a atividade agrícola.

C)

o percentual de imóveis improdutivos iguala-se ao de imóveis produtivos somados aos minifúndios, o que justifica a existência de conflitos por terra.

D)

a região Norte apresenta o segundo menor percentual de imóveis produtivos, possivelmente em razão da presença de densa cobertura florestal, protegida por legislação ambiental.

E)

a região Centro-Oeste apresenta o menor percentual de área ocupada por minifúndios, o que inviabiliza políticas de reforma agrária nesta região.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

49)

A agricultura brasileira atual, desde as culturas de roça até os complexos industriais, é responsável por cerca de 9% do PIB brasileiro e apresenta grandes possibilidades de aumentar sua participação no comércio mundial de produtos agrícolas. Para isso, é necessário vencer alguns obstáculos externos e internos.

São fatores que reduzem seu potencial de crescimento, EXCETO a (o):

A)

alto custo do setor de transportes.

B)

protecionismo dos países desenvolvidos.

C)

reduzida carga tributária do setor primário.

D)

baixa oferta de energia elétrica na zona rural.

E)

falta de incentivo à formação de cooperativas.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

50)

Leia o texto a seguir.

Norte-americanos vêm ao Brasil plantar soja

          “Os produtores de soja norte-americanos descobriram o Brasil. Trinta grupos chegaram ao país nos últimos anos e outros 20 analisam o mercado atualmente e mostram intenção de investir em solo brasileiro.           Esses investidores aproveitam os preços baixos da terra nas regiões de fronteiras agrícolas do país, custos menores de produção, entre outras razões. A participação de estrangeiros na produção de soja no Brasil poderá chegar a 500 mil hectares nos próximos anos. O tamanho médio das áreas adquiridas por esses investidores é de 10 mil hectares.           Para o governo brasileiro, que acompanha esse movimento de vinda de investidores estrangeiros ao país, os norte-americanos vêm em busca de lucro. Pedro de Camargo Neto, secretário de Produção e Comercialização do Ministério da Agricultura, diz que as boas condições de produção no Brasil são amplamente divulgadas em revistas e jornais especializados norte-americanos. Essa publicidade acaba despertando a atenção dos produtores.”

FONTE: ZAFALON,Mauro. Folha de São Paulo. São Paulo, 28 maio, 2002. (adaptado)

De acordo com o texto, os fatores que mais atraem os norteamericanos para o mercado brasileiro são

A)

o preço exorbitante da terra nos EUA e o crescente risco financeiro, apesar de os subsídios governamentais terem sido mais bem distribuídos.

B)

a produção em alta escala e a melhoria nos meios de escoamento do produto brasileiro, anteriormente em total dependência da malha ferroviária.

C)

a expansão da tecnologia agrária brasileira em todos os setores e o apoio técnico dos Ministérios do Meio Ambiente, Planejamento e Relações Exteriores.

D)

o atual estado de decadência da produção norte-americana de soja, sujeita a imprevistos de caráter climático, e a falta de mão-de-obra especializada no campo.

E)

a comparação de gastos e da produção de soja entre o Brasil e os EUA, pesando a favor do Brasil, que, na última década, registrou aumentos constantes de produtividade a custos muito menores.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

51)

Assinale com F ou V as proposições, conforme sejam respectivamente Falsas ou Verdadeiras em relação ao agronegócio e à agropecuária brasileira.

 

( ) O Brasil está entre os líderes mundiais no mercado de diversos produtos agropecuários. É o primeiro produtor e exportador de café, açúcar, álcool e suco de frutas. Também lidera o ranking das exportações de frango, soja, carne bovina, couro e calçados de couro.

( ) O agronegócio vem se modernizando, ficando mais eficiente e competitivo. Incorporou avanços tecnológicos como mecanização agrícola e a manipulação da engenharia genética, objetivando a melhoria da produtividade.

( ) As cadeias produtivas, com base na agricultura e na pecuária, pelo dinamismo da economia pode tornar o Brasil, na próxima década, o maior produtor de alimentos do mundo.

( ) Em várias áreas vêm sendo empregadas técnicas avançadas e ambientalmente corretas para o plantio e recuperação de solos degradados.

( ) Os polêmicos produtos transgênicos, também integrantes do agronegócio brasileiro, já estão totalmente liberados no mercado, e estudos científicos já comprovam seguramente que os mesmos não causam nenhum prejuízo aos seres humanos e ao meio ambiente.

 

A alternativa que apresenta a sequência correta é:

A)

F F V V V

B)

F F F F V

C)

V F V F V

D)

F V F V F

E)

V V V V F

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

52)

No Brasil, um dos graves problemas do campo é a distorção da estrutura fundiária, marcada por forte concentração de terras. O mapa a seguir mostra a distribuição regional dos imóveis rurais.

0

Considerando-se as informações acima apresentadas, é correto afirmar:

A)

A estrutura fundiária da Região Sul tem um elevado percentual de grandes propriedades que ocupam a maior parte da área total dos imóveis rurais.

B)

A estrutura fundiária da Região Norte apresenta um baixo percentual de pequenas propriedades que ocupam a maior parte da área total dos imóveis rurais.

C)

A estrutura fundiária da Região Sul apresenta elevado percentual de pequenas propriedades que ocupam a menor parte da área total dos imóveis rurais.

D)

A estrutura fundiária da Região Norte tem um baixo percentual de grandes propriedades que ocupam a maior parte da área total dos imóveis rurais.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

53)

Quanto aos fatores responsáveis pela degradação do solo, pode-se afirmar:

A)

A lixiviação é um fenômeno essencialmente natural e mais intenso nas regiões semiáridas, onde a degradação pela perda de nutrientes se processa de forma acelerada.

B)

A acidificação do solo, apesar de ser um problema provocado exclusivamente pela ação autrópica, não compromete a fertilidade para a prática agrícola.

C)

A ocupação humana ainda constitui a melhor forma de conter os deslizamentos de encostas íngremes decorrentes da erosão laminar.

D)

A laterização é um processo de diagênese do solo, podendo ocorrer naturalmente ou resultar de ações antrópicas.

E)

A erosão de ravinamento pode atingir o lençol freático em áreas de topografia plana e suave, caso a superfície do solo seja desnuda.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

ID: 36619

54)

Em relação à atual crise de abastecimento enfrentada por todo o mundo, o Le Monde Diplomatique Brasil (Ano 1, número 10 / maio de 2008, p. 24) afirmou que “A ONU, [...] classifica o aumento mundial de preços dos cereais como um ‘tsunami silencioso’, que pode deixar cem milhões de pessoas famintas. [...] As revoltas relacionadas à fome, portanto, não estão perto de se extinguir: uma vez que a oferta não irá satisfazer a demanda, os preços continuaram sua escalada”.

 

Embora não haja consenso sobre esta problemática global, as principais causas apontadas são:

I - O desequilíbrio entre o crescimento da população, com a ocorrência de uma explosão demográfica e a produção de alimentos, como já previa Malthus, em 1798.

II - As questões climáticas, que afetaram as safras, e o aumento da demanda por alimentos, sobretudo em países emergentes, como a China.

III - A mudança na estrutura e nos hábitos alimentares da população mundial, que passou a consumir mais carne e derivados, o que desvia o setor agrícola para a produção de ração animal.

IV - A especulação financeira no setor agrícola e a produção do etanol como combustível extraído do milho e da soja.

 

Estão corretas apenas as proposições

A)

I, II e III.

B)

II, III e IV.

C)

I, III e IV.

D)

I, II e IV.

E)

II e IV.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

55)

Considerando-se o atual estágio da agricultura mundial, é INCORRETO afirmar que

A)

a agricultura voltada para o mercado interno, em países como o Brasil, ao incorporar insumos e tecnologias gerados pelo agronegócio, pode promover elevação dos preços dos alimentos para o consumidor.

B)

a maior disponibilidade de terras agrícolas, em escala planetária, é encontrada nas zonas temperadas, onde a fragilidade dos solos constitui obstáculo à expansão de sua exploração.

C)

a produção global de alimentos, na atualidade, é capaz de atender ao consumo em escala planetária, embora a ingestão de alimentos por parcela da população mundial ainda se dê de forma insuficiente em quantidade e diversidade.

D)

as restrições geográficas impostas, em decorrência de determinadas condições de clima, solo e relevo, a um numeroso grupo de cultivos são, em grande parte, satisfatoriamente contornadas por práticas de manejo modernas.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

56)

O esquema apresentado na figura ao lado representa:

0

A)

um espaço industrial.

B)

um complexo industrial metal-mecânico.

C)

um complexo agroindustrial.

D)

uma agroindústria.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

57)

Em outubro de 2005, os grandes jornais brasileiros circularam com a seguinte manchete:

A febre aftosa atinge uma das vedetes do agronegócio brasileiro

Reflita sobre a manchete e as proposições que seguem:

I. A pecuária é a segunda maior receita do agronegócio nacional. As carnes bovina, suína e de frango representam 7 bilhões de dólares das vendas do Brasil e um terço do Produto Interno Bruto, colocando o país na liderança mundial na venda desses produtos.

II. A principal causa do sucesso do setor agropecuário é o aumento da produtividade decorrente do melhoramento genético e das condições sanitárias com os altos investimentos em tecnologia.

III. A doença não prejudicou as exportações, já que a carne contaminada não é prejudicial à saúde humana.

IV. O surgimento da aftosa demonstrou o despreparo brasileiro para tratar de um aspecto importante de sua economia. Para contornar os problemas o Congresso Nacional liberou 33 milhões de reais para o combate da doença, que se resolve com uma simples vacina.

 

Estão corretas APENAS as proposições

A)

I, II e IV.

B)

II, III e IV.

C)

I e II.

D)

II e III.

E)

I e IV.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

58)

Texto VIIIA busca da sustentabilidade nos dias atuais os problemas ambientais atuais atingiram tal proporção que exigem atenção de todos os quadrantes da sociedade. O movimento de sustentabilidade tem como meta a busca da coexistência do Homem com o ambiente. Significa ir ao encontro das necessidades humanas atuais sem reduzir a qualidade de vida das gerações futuras e do ambiente em que viverão. Esta coexistência é alcançada, dentre outras estratégias com a utilização de tecnologias "verdes" (que usam energias renováveis e reciclam materiais), que originam uma economia sustentada, produtora de riqueza e postos de trabalho para muitas gerações, sem degradar o ambiente. Este fato torna o Homem mais responsável com ele mesmo e com a sociedade.

O espaço agrário dos países economicamente desenvolvidos se diferencia dos países subdesenvolvidos essencialmente pelo (a) (s):

A)

modelo de agricultura implementado em cada um desses países. Nas sociedades desenvolvidas destacam-se as empresas agrícolas e seu enfoque ecológico sustentável, já nos países pobres, destaca-se a agricultura de subsistência e seu caráter nocivo ao meio-ambiente.

B)

fato de, nos países ricos, a produção ser obtida nas médias propriedades altamente capitalizadas. Nestes países a produtividade é alta e pouco impactante ao meio em decorrência da utilização de sementes selecionadas e baixo uso de fertilizantes.

C)

sistemas agrários, nos países pobres, a prática da agricultura itinerante que utiliza técnicas obsoletas, com o uso de enxadas e queimadas e, nos países emergentes, a agricultura de jardinagem, a exemplo da praticada na Tailândia com altíssima produtividade e baixo risco ambiental.

D)

produção de diferentes tipos de produtos agrícolas que ainda causam polêmica, mas ganham cada vez mais espaço no mercado nacional e internacional. Destacam-se os produtos transgênicos nos países ricos e os produtos orgânicos nos países pobres.

E)

crescente importância do agronegócio na economia mundial, envolvendo vários setores, como a agricultura de precisão e a biotecnologia. No Brasil, o agronegócio tem forte relação com as transnacionais e com as tensões sociais no campo.

 

Resposta: E

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

59)

Texto 1“Os antigos romanos[...] prestavam homenagem aos mortos. Acreditava-se que as almas dos mortos eram beneficiadas com o sangue humano, e assim costumavam sacrificar, nos funerais, soldados inimigos capturados ou escravos”.

(Tertuliano In GRANT, Michel. Galdiators.N.I,Delacoste,1967. Apud.FUNARI, Paulo Abreu. Roma: vida pública e vida privada. S.P: Atual, 1993.p.40).

 

Texto 2“I. Se algum ripuário matar um estrangeiro franco, seja considerado culpado em duzentos soldos. II. Se algum ripuário matar um estrangeiro borgúndio, seja considerado culpado em cento e sessenta soldos. III. Se um ripário atar um estrangeiro romano, seja multado em cem soldos.”.

(Ferd. Walter, Corpus Germanici Antiqui in ESPINOSA,Fernanda. Antologia dos textos medievais. P. 21-22).

 

Os textos 1 e 2 indicam práticas culturais diferentes. No entanto, há nestas práticas algo em comum, a saber:

A)

a condição social dos estrangeiros expressa no sacrifício de inimigos de guerra e de escravos nas cerimônias fúnebres em Roma e no pagamento diferenciado de indenizações às famílias dos mortos pelos ripuários.

B)

o tratamento igualitário aos estrangeiros no Império Romano e no Reino Franco, onde inexistiam formas diferenciadas de cuidar dos escravos e dos inimigos capturados na guerra.

C)

o estatuto social do estrangeiro que na Roma antiga era tratado com rigor da lei que destinava parte dos escravos ao sacrifício aos deuses e entre os ripuários destinava-se à indenização de famílias que perdiam seus familiares.

D)

a crença na morte de inimigos, de escravos e de estrangeiros como forma de apaziguar a ira dos deuses tanto entre os antigos romanos quanto entre as tribos bárbaras.

E)

o pagamento de indenizações e de pecúlios às famílias de escravos e de inimigos de guerra tanto na Roma Antiga quanto no Reino Franco, onde havia uma lei que estabelecia preços de acordo com o tipo de estrangeiro capturado.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

60)

São características da agropecuária em países desenvolvidos, exceto:

A)

a agricultura e a pecuária, no geral, são praticadas de forma extensiva.

B)

utilizam uma grande quantidade de agrotóxicos, fertilizantes, técnicas de correção e conservação dos solos.

C)

apresentam elevados índices de mecanização agrícola.

D)

a mão de obra empregada no setor primário da economia é bem reduzida.

E)

são responsáveis por grande parcela de produtos agropecuários que circulam o mercado mundial.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

61)

“O setor de frutas é um mercado em expansão no Brasil. O país é o terceiro maior produtor mundial, atrás da China e da Índia. Os dados da Secex (Secretaria de Comércio Exterior) indicam receitas de US$ 592 milhões para o ano passado no item mais amplo do setor”.

(Folha de S.Paulo, Brasil só perde para China e Índiana produção mundial de frutas, 08 de fevereiro de 2005)

Sobre a fruticultura no Brasil pode-se dizer que

A)

seu crescimento e sua expansão no mercado internacional devem-se à incorporação de novas terras agrícolas da região dos cerrados, no centro-oeste brasileiro.

B)

ela recentemente vinha conhecendo um grande crescimento no nordeste brasileiro, mas essa expansão está sendo prejudicada pela ausência regular de água nas lavouras.

C)

mesmo como terceiro produtor mundial, a posição do país no mercado externo é frágil, por se venderem apenas frutas in natura, sem processamento, o que barateia os preços.

D)

o pólo mais dinâmico da fruticultura brasileira usa terras agrícolas (inclusive construindo-se, em seu meio, agroindústrias) de uma área outrora usada para o cultivo do café.

E)

a condição tropical do país representa uma vantagem no mercado externo, pois permite produzir frutas que a China e a Índia não podem produzir, por estarem em zonas de clima temperado.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

62)

“Os estudos relacionados aos tipos e à utilização de solos nos permitem conhecer o passado, incrementar e aprimorar práticas no presente e projetar resultados para o futuro.”

 

A respeito do tema acima, assinale a alternativa correta.

A)

Ao processo que origina os solos e seus horizontes dá-se o nome de pedogênese.

B)

A laterização é responsável por formar e modelar a estrutura dos solos, determinando maior ou menor nível de fertilidade.

C)

A calagem, procedimento muito utilizado na antiguidade, era utilizado para garantir profundidade do solo, sendo, o material orgânico, o elemento essencial para a obtenção de resultados positivos.

D)

Nas áreas de declividade acentuada, os solos são mais profundos; assim, recomenda-se o cultivo agrícola em curvas de nível.

E)

Nas últimas décadas, o uso dos solos tem ocorrido de forma mais racional, abandonando práticas tradicionais como as queimadas, principalmente, nos países subdesenvolvidos.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

63)

O êxodo rural em um sistema capitalista periférico está, principalmente, relacionado

A)

à busca por aventuras em outras regiões.

B)

ao fascínio que as cidades exercem sobre a população rural.

C)

aos fatores de ordem econômica e à busca de postos de trabalho.

D)

à ocorrência de fenômenos naturais, como terremotos, secas e inundações.

E)

aos princípios religiosos que levam os indivíduos a se deslocarem para novos espaços, em busca de plenitude espiritual.

 

Resposta: C

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

64)

Características de solo, clima e vegetação próximas àquelas encontradas no Brasil central, existência de ferrovias, proximidade dos portos da fachada atlântica e destes com os mercados da Europa e Estados Unidos são alguns dos atributos que têm sustentado a expansão da cultura da soja

A)

no vale do rio Jequitinhonha, que abrange o nordeste de Minas Gerais e sul da Bahia.

B)

na região do agreste nordestino, anteriormente dominada pela cana-de-açúcar.

C)

no vale do rio Amazonas, aproveitando a suavidade dos relevos de várzea.

D)

na região do MAPITO, que abrange o leste do Tocantins e sul do Maranhão e Piauí.

E)

no oeste paulista, em substituição à pecuária, que migrou para o Centro-Oeste.

 

Resposta: D

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

65)

A produção de alimentos e matérias-primas é a finalidade primordial da atividade agrícola. Contudo, mesmo a humanidade assistindo aos progressos tecnológicos, o número de famintos, de forma global, ainda continua alto.

Com base no comentário acima e tendo em vista o binômio agricultura/fome, é INCORRETO afirmar que

A)

a fome no mundo deve-se mais a fatores políticos e econômicos do que propriamente à existência de condições naturais adversas à agricultura.

B)

os países de economia primária são também os maiores produtores e consumidores de produtos agrícolas do planeta.

C)

a modernização da agricultura provocou, em muitos países, o desemprego em massa e a elevação do preço de terra e da produção.

D)

o aumento da produção agrícola mundial passou, no último século, por um processo de modernização do campo.

 

Resposta: B

_________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

66)

Em 2005, foi descoberto um surto de febre aftosa no gado de algumas fazendas do Mato grosso do Sul.

 

Qual acontecimento evidencia os efeitos da globalização na pecuária brasileira?

A)

Os mercados importadores: China, Rússia, Nações europeias, dentre outros, decretaram embargo imediato à carne brasileira.

B)

As relações econômicas entre blocos e países não contemplam vetos à produção pecuária, no sentido de exigir o registro de origem da carne.

C)

A introdução de gado barato adquirido no Paraguai, onde não há controle de vacinação dos rebanhos bovinos.

D)

Os mercados exportadores de ração suspenderam a venda de produtos para abastecimento do mercado brasileiro.

E)

A importação de vacinas com prazo de validade vencido ou mal conservadas, que não atingiu o efeito de proteção do rebanho bovino da febre aftosa.

 

Resposta: A

_________________________________________________________________________________________________________________________