Geografia Geral - Demografia

 

 

1.   A estrutura setorial relaciona-se às atividades dos setores primário, secundário e ter­ciário. Recentemente, alguns autores reconhecem o setor quaternário nos grandes centros urbanos. Com respeito à estrutura setorial de um país, é correto afirmar-se:

a) Nos países desenvolvidos , a população economicamente ativa concentra suas atividades apenas nos setores terciário e quaternário.

b) Nos países subdesenvolvidos, a caracterização por setores é diferenciada: existem países que concentram suas atividades no setor primário e outros no setor terciário.

c) Nos países desenvolvidos, a população economicamente ativa participa pro­porcionalmente dos setores primário, secundário e terciário.

d) Nos países subdesenvolvidos industrializados, a população economicamente ativa concentra-se basicamente no setor primário.

e) Nos países subdesenvolvidos, o aumento da população economicamente ativa no setor terciário está diretamente relacionado com o processo acelerado de urbanização.

   

 2. Com base na tabela, é correto afirmar que o país mais povoado e o país que apresenta menor número de habitantes por quilômetro quadrado são, respectivamente,

 

PAÍS

 

POPULAÇÃO (hab)

ÁREA (km2)

Índia

845.000.000

3.287.500

Japão

124.000.000

372.819

Brasil

148.500.000

8.511.966

EUA

252.000.000

9.372.614

  

a)   EUA e Brasil                     c)  Brasil e Índia                     e)  Índia e EUA

b)  Itália e Japão                    d)  Japão e Brasil

 

 

3.(CESGRANRIO-RJ) Comparando as duas pirâmides etárias, podemos concluir:

     

I – A pirâmide 2 demonstra um predomínio da população adulta, enquanto a pirâmide 1 apresenta predominância de população jovem.

II – A pirâmide 1 demonstra grande mortalidade da população, enquanto a pirâmide 2 apresenta menor mortalidade, principalmente nas classes jovens, muito mais numerosas.

III- A pirâmide 1 demonstra uma expectativa de vida e um envelhecimento da população maiores do que a pirâmide 2.

IV- A pirâmide 1 é característica da estrutura etária de um país desenvolvido, enquanto a pirâmide 2 apresenta a estrutura etária de um país subdesenvolvido.

V- A pirâmide 1 demonstra que os jovens são mais numerosos que os adultos e idosos, enquanto a pirâmide 2 apresenta adultos e idosos mais numerosos que os jovens.

VI – A pirâmide 1, de base estreita e lados convexos, demonstra a superioridade numérica dos adultos, enquanto a pirâmide 2, de base larga e lados côncavos, demonstra a importância dos jovens em número.

Marque X:

( A ) se somente I, IV e VI são verdadeiras

( B ) se somente III, IV e VI são verdadeiras

( C )se somente I, II e V são verdadeiras

( D ) se somente II, V e VI são verdadeiras

( E ) se somente II, III e V São verdadeiras

 

4.      (UFRS) A tabela abaixo representa, percentualmente, a distribuição setorial da população ativa de quatro diferentes países:

Setores da economia

País A

País B

País C

País D

Primário

6%

33%

44%

75%

Secundário

43%

31%

18%

10%

Terciário

51%

36%

38%

15%

Com base na tabela, podemos afirmar que:

( A ) O país C indica predomínio de população rural sobre a urbana.

( B ) O país B apresenta uma perfeita distribuição de mão-de-obra, destacando-se dos demais pelo seu grande desenvolvimento.

( C ) Dentre todos os países da tabela, o país D é o mais desenvolvido no setor primário.

( D ) O país A apresenta baixa população agrícola e elevada mão-de-obra empregada nos setores industrial e de serviços.

( E ) Os países A e B possuem estágios econômicos equivalentes, mas a posição de C indica maior desenvolvimento industrial.

 

 3.      (FUVEST-SP) " O crescimento populacional contemporâneo é responsável pela estagnação econômica do Terceiro Mundo".

"Os altos investimentos demográficos desviam os escassos recursos de capital do investimento produtivo". "O planejamento familiar visa alterar as taxas de fertilidade sem precisar modificar as estruturas fundamentais da sociedade" .

Estas afirmações integram uma doutrina demográfica:

( A ) Neomarxista

( B ) Racionalista

( C )Terceiro-mundista

( D ) Otimista

( E ) Neomalthusiana

  

5. As opções correspondem à teoria de Malthus. Marque a afirmativa INCORRETA:

( A ) Para Malthus, enquanto a produção de alimentos cresce em progressão aritmética(1,2,3,4...),a população cresce em progressão geométrica(1,2,4,8,16...). Esse desequilíbrio entre população e produção de alimentos, iria trazer como conseqüência as guerras, a fome e a miséria.

( B ) Malthus não considerou o desenvolvimento da Ciência e da Tecnologia aplicadas à agricultura.

( C ) Ele não considerou que, à medida que uma população melhora suas condições de vida, decresce sua taxa de natalidade.

( D ) Para Malthus, a dinâmica demográfica dos homens não pode ser explicada pelos mecanismos naturais, pois obedece a mecanismos culturais de regulação.

( E )Para Malthus, a miséria seria uma espécie de vingança da natureza contra os homens que teimavam em se multiplicar.

  

6.      Sobre o gráfico abaixo, é INCORRETO afirmar que:

 


Assinale uma única opção.

( A ) O estágio II representa um período de transição demográfica inicial com grande aceleração demográfica, pelo qual já passaram os países desenvolvidos no passado e pelo qual muitos países subdesenvolvidos ainda estão passando.

( B ) No estágio IV as taxas de natalidade, mortalidade e de crescimento vegetativo estão estabilizadas.

( C ) Devido ao grande avanço econômico os países desenvolvidos encontram-se no estágio II, apresentando elevadas taxas de natalidade e forte declínio da mortalidade, resultando num grande crescimento populacional.

( D ) O estágio III representa uma fase de transição demográfica intermediária com queda da natalidade e declínio do crescimento vegetativo, que vem ocorrendo em muitos países subdesenvolvidos, entre eles o Brasil.

( E ) O estágio II representa um período de grande crescimento demográfico, devido a um descompasso entre as taxas de mortalidade que decaíram e as de natalidade que se mantiveram altas.

 

7. Com relação às características populacionais do Japão, é verdadeiro afirmar que apresenta

a) alta taxa de natalidade, alta densidade demográfica e baixa expectativa de vida.

b) alta taxa de crescimento vegetativo, baixa densidade demográfica e predomínio de população rural.

c) baixa taxa de crescimento vegetativo, alta expectativa de vida e predomínio de população urbana.

d) grande fluxo emigratório, predomínio de população urbana e baixa densidade demográfica.

e) alta taxa de mortalidade, predomínio de população rural e alta expectativa de vida.

 

8. Tendo em vista a dinâmica mundial dos movimentos migratórios na atualidade, qual das afirmações abaixo pode ser considerada correta?

a) As graves crises econômicas e políticas, que estão ocorrendo na África, têm feito com que as fronteiras de alguns países sejam palco de afluxo de milhares de refugiados, produzindo o que podemos chamar de "fronteiras em caos".

b) A fronteira que separa a Europa do Noroeste da África mantém a mesma abertura da década de 50 e essa situação é de suma importância para o fluxo migratório em direção à Europa.

c) Na África, as migrações entre países pobres não encontram impedimentos por parte dos Estados, fato que provoca uma grande mobilidade da população em todo o território africano.

d) As migrações oriundas da região do Caribe, em direção à América do Norte, não conhecem nenhum tipo de obstáculo, fato que tem contribuído para o aumento dos fluxos migratórios.

e) As "fronteiras abertas" dos países da Europa Ocidental têm permitido o livre fluxo de imigrantes oriundos, principalmente, dos países do Caribe e da África que apresentam graves problemas econômicos.

 

9. “Migração periódica dos rebanhos da planície, os quais vão habitar durante o calor as altas montanhas, delas descendo ao aproximar-se o inverno, ou vice-versa”

 

 

Considerando-se a representação de um país do Hemisfério Norte e a situação descrita acima, no inverno, assinale a alternativa correta:

 

conceito meses
predominantes
deslocamentos
a) transumância maio a agosto C para B
b) aclimatação novembro a março A para B
c) aclimatação novembro a março C para B
d) transumância novembro a março B para A
e) aclimatação maio a agosto A para B

 

 

10. Os níveis de desenvolvimento humano registrados no mapa anterior, podem ser, principalmente, justificados na
a) América Anglo-Saxônica e Europa, pelo processo de globalização recente.
b) África, pelo elevado crescimento demográfico e a intensa produção agrícola para consumo interno.
c) Ásia, pela exigüidade das áreas disponíveis para a produção agrícola de subsistência.
d) África, pelo processo de colonização/descolonização, agravado pela suspensão de ajuda financeira externa ao final da Guerra Fria.
e) América Latina, pela atuação crescente do Mercosul e do Pacto Andino.

 

 

 

 

11. Os países identificados seqüencialmente pelos números 1, 2, 3 e 4 são:

1 2 3 4
a) França Brasil Índia Níger
b) Itália China Brasil Espanha
c) França Brasil Índia China
d) Itália Índia Brasil Espanha
e) Itália China Índia Brasil

 

 

12. O gráfico abaixo descreve o processo imigratório nos Estados Unidos, no período de 1820 a 1990.

 

Milhões de imigrantes

 

Acerca desse processo, é INCORRETO afirmar que

a)   os europeus formaram o principal contingente imigratório norte-americano do século XIX.

b)  o decréscimo da imigração nos Estados Unidos, nas três primeiras décadas do século XX, explica-se pela recessão da economia norte-americana nessa fase.

c)   a maior parcela dos imigrados nos Estados Unidos, nos últimos cinqüenta anos, é representada por latino-americanos.

d)  o crescimento da imigração nos Estados Unidos, na segunda metade do século XX, deve-se a uma política de privilégios e incentivos aos estrangeiros que pretendem trabalhar naquele país.

e)     a atual crise de emprego no mundo tem acirrado as lutas entre as diversas etnias que hoje habitam o território norte-americano, fenômeno que se aguça com a rapidez do crescimento da imigração nos Estados Unidos.

 

13 – São fatos associados às migrações internacionais recentes:

I – Predomínio de fluxos migratórios periódicos, pois muitos países de imigração dificultam a instalação permanente de estrangeiros em seus territórios.

II – Intercâmbio generalizado de profissionais altamente qualificados.

III – Vultosa remessa internacional de recursos, adquiridos pelos imigrantes e enviados aos seus países de origem, onde tais recursos têm constituído até 50% do PNB.

IV – Retração de movimentos xenófobos e racistas, conseqüência da valorização da mão-de-obra estrangeira, fundamental à manutenção dos atuais níveis de industrialização dos países de imigração.

V – Ausência de países de imigração na Ásia e na África, que se caracterizam pela intensa saída de populações, especialmente do Oriente Médio e do Golfo da Guiné.

Assinale a alternativa que relaciona todos os itens verdadeiros:

A) I, II e III

B) I, IV e V

C) I, II e IV

D) II, III e IV

E) I, II, III e IV

 

 

14. Em relação à população mundial, é correto afirmar:
a) Reparte-se de forma uniforme pelos continentes.
b) Quanto maior for a altitude, maior será a concentração populacional.
c) Tem sua repartição pelos continentes apenas em função das condições naturais.
d) Apresenta grande concentração na Ásia das Monções, Europa Ocidental e nordeste dos Estados Unidos.
e) Apresenta grande concentração nas altas latitudes do Hemisfério Sul.

 

15. A urbanização corresponde ao período em que o crescimento populacional urbano é superior ao crescimento populacional do país. Ou seja, as cidades crescem mais do que a média do país. Isso pode ser justificado por:
I – Mecanização da agricultura, expulsando mão-de-obra das áreas rurais.
II – Abertura de novas frentes pioneiras.
III – Êxodo rural.
IV – Industrialização sem reforma agrária.
V – Estímulo governamental aos pequenos agricultores.
São corretas as afirmativas:
a) I, III e IV;
b) I, II e V;
c) II, III e IV;
d) I, III e V;
e) I, IV e V.

 

16. Em relação aos aspectos relacionados à população, analise as afirmativas abaixo:

I)A população mundial se concentra em maior proporção nas áreas de maior altitude, como as montanhas de formação geológica recente.
II)O continente que apresenta os maiores adensamentos populacionais é a Ásia.
III)Apesar do grande crescimento populacional verificado nas últimas décadas, a Antártida ainda é um continente habitado apenas por pesquisadores e cientistas que aí vivem temporariamente.
IV)A costa oriental da América do Sul é mais populosa que a costa ocidental.
V)A população mundial se reparte de maneira homogênea em todos os continentes.

São corretas as afirmativas:

a) I, II e IV;
b) II, III e IV;
c) II, III e V;
d) I, III e IV;
e) III, IV e V.

 

17. Considere a seguinte tabela:


Os dados da tabela referem-se a quatro países que segundo a ordem I, II, III e IV, são

 (a) Arábia Saudita, Japão, Afeganistão e Holanda.

 (b) Japão, Afeganistão, Holanda e Arábia Saudita.

 (c) Afeganistão, Japão, Arábia Saudita e Holanda.

 (d) Holanda, Arábia Saudita, Japão e Afeganistão.

 (e) Afeganistão, Arábia Saudita, Japão e Holanda.

 

18. No gráfico que segue, estão indicados os totais de nascimentos em países que representam a realidade demográfica européia, ao longo de um dado período de tempo.


Considere a forma que a linha da evolução dos nascimentos no Brasil assumiria, no gráfico acima. A análise comparativa dos nascimentos no Brasil com os indicados para os países selecionados mostra que

I - a evolução dos nascimentos no Brasil, desde 1960, assemelha-se à dos países europeus.
II - no Brasil, a redução dos nascimentos em relação à população total (taxa de natalidade) vem ocorrendo de forma tardia em relação à dos países europeus.
III - o início da década de 60 estabeleceu, no Brasil, uma inflexão na curva de nascimentos, observando-se um aumento nos mesmos, o que não ocorreu na Europa.

Quais as afirmativas estão corretas?

 (a) Apenas I.

 (b) Apenas II.

 (c) Apenas III.

 (d) Apenas I e II

 (e) I, II e III.

 

19. Considere as seguintes afirmações sobre a urbanização brasileira.

I - O crescimento exagerado do setor secundário se deve ao tipo de estruturação do sistema urbano.
II - Para a classificação dos centros urbanos não são considerados o número de habitantes e a região onde se localizam.
III - Nas áreas metropolitanas, principalmente naquelas com população superior a um milhão de habitantes, verifica-se a intensificação de metropolização.

Quais estão corretas?

 (a) Apenas I.

 (b) Apenas II.

 (c) Apenas III.

 (d) Apenas I e II

 (e) I, II e III.

 

 20. Populações urbana e rural por regiões deacordocom os dados da tabela, podemos afirmar que:

Região

População urbana (%)

População rural (%)

NORTE

55,0

45,0

CENTRO OESTE

79,5

20,5

SUDESTE

90,0

10,0

SUL

78,5

21,5

NORDESTE

57,0

43,0

 

 

 

 

 

 

  

 

a.      as regiões NORDESTE e NORTE apresentam os maiores indicadores de população urbana;

b.      as maiores taxas de concentração de população rural são encontradas nas regiões SUL e CENTRO-OESTE;

c.      os menores índices de população rural no Brasil situam-se nas regiões NORDESTE e SUDESTE;

d.      as regiões SUDESTE e NORTE apresentam os maiores contingentes populacionais urbano e rural, respectivamente;

e.      as regiões CENTRO-OESTE, NORDESTE e NORTE apresentam as maiores taxas de população urbana no Brasil.

 

INSTRUÇÃO: Responder à questão 21 com base nas afirmativas abaixo, referentes ao fato de que a população da Terra no dia 12 de outubro de 1999 atingiu 6 bilhões de habitantes e considerando o mundo como sendo uma nucleação urbana de mil habitantes.


I. Aproximadamente 600 habitantes são asiáticos e 130 africanos.
II. O número de cristão é superior ao de muçulmanos e hinduístas juntos.
III. O Brasil participa com aproximadamente 60 habitantes.
IV. Aproximadamente 140 habitantes são analfabetos.

 

21. A análise das afirmativas permite concluir que está correta a alternativa
A) I, II e III
B) I, II e IV
C) I e III
D) II e IV
E) III e IV

 

22. Ao contrário da situação apresentada em 1950, hoje cerca de 70% da população latino-americana está concentrada nas cidades. Essa inversão pode ser entendida em razão

(A) da melhoria das condições sanitárias no campo.
(B) da mudança das políticas de imigração e colonização.
(C) da concentração da propriedade rural e o conseqüente êxodo rural.
(D) do alto nível dos salários pagos aos operários industriais.
(E) do controle de natalidade nas áreas rurais.

23. A nova ordem mundial vem gradativamente se estruturando a partir do final da década de 80 e início da década de 90. Assinale a alternativa que não faz parte das configurações atuais.

(A) A hegemonia dos países com capacidade econômica produtiva apoiada no desenvolvimento tecnológico.
(B) A concentração de renda gerada pelo capitalismo beneficiou uma pequena parcela da população.
(C) O surgimento dos movimentos nacionalistas com características separatistas, em várias regiões européias.
(D) O crescimento, em alguns países, da emigração proveniente das áreas capitalistas sem recursos ou de antigos países socialistas, que estimulam o desenvolvimento da xenofobia.
(E) A eliminação das diferenças sociais e concretização da bases igualitárias na maior parte das áreas européias e americanas.

 

24. Sobre a estrutura etária da população, é correto afirmar que:
I- Nos países industrializados europeus, tanto a taxa de natalidade quanto a de mortalidade são muito baixas, e a diferença entre elas é muito pequena, até mesmo nula.
II- Os países desenvolvidos mais recentemente, como a Austrália e o Japão, apresentam altas taxas de natalidade e alto crescimento vegetativo.
III- Suécia, Reino Unido e França são países onde se registra elevada expectativa de vida.
IV- A maioria dos países subdesenvolvidos não-industrializados apresenta altas taxas de natalidade e mortalidade, com elevado crescimento vegetativo.
V- Nos países subdesenvolvidos que iniciaram um processo de industrialização após a Segunda Guerra Mundial, verificaram-se, entre 1950 e 1970, baixas taxas de natalidade e de mortalidade.
São corretas as afirmações:

(A) I, III e IV.
(B) I, III, IV e V.
(C) I, II, III e IV.
(D) II, III e IV.
(E) todas.
 

25.- Que conjunto de respostas à direita corresponde aos efeitos da macrocefalia urbana nos países periféricos?

a.       risco de colapso das infra-estruturas sanitárias 

I - São certas as afirmativas a e b

b·  ampliação de epidemias nas periferias miseráveis

II - É apenas certa a proposição a

c.  redução da fertilidade e mortalidade infantil

III - Está certa apenas a última afirmativa

d·  equiparação do padrão de vida entre campo e cidade

IV - Estão certas as afirmativas c, d, e

e·  criação de "cinturões agrícolas" nas periferias

V - Estão certas as assertivas a, b, c