Geografia do Brasil - Geologia

 

1. (PUC-RS) Muitas catástrofes naturais abalam a humanidade, como terremotos, vulcanismo e maremotos. No Brasil, a ausência desses fenômenos é explicada pela:

a) existência de terrenos cristalinos antigos localizados nos limites de placas tectônicas.

b) ausência de rochas vulcânicas basálticas, indispensáveis na ocorrência de vulcões.

c) localização, distante de dorsais oceânicas e das bordas das placas tectônicas.

d) grande massa continental, que evita o escape do magma, mesmo estando em áreas de subducção.

e) localização na Placa Sul-Americana, que não se movimenta desde a Era Mesozóica.

 

2. (Mackenzie-SP) Durante o Período o território que atualmente configura o Brasil não foi atingido pelos dobramentos verificados na costa oeste da América do Sul, que deram origem à Cordilheira dos Andes. Assinale a alternativa que completa corretamente a lacuna.

a) Jurássico.                                     d) Proterozóico.

b) Cenozóico.                                   e) Arqueano.

c) Paleozóico.

 

3. (Mackenzie-SP) Os derrames basálticos do Mesozóico caracterizam:

a) o Sul.

b) o Pantanal.

c) o Centro-Oeste.

d) a porção ocidental da Amazônia.

e) o Nordeste Oriental.

 

4. (U.E. Londrina-PR) Recentemente, o perigo dos terremotos voltou a lembrar o homem que a base rochosa na qual vive é apenas aparentemente imóvel. Como exemplos de formas de relevo que demonstram a vitalidade e a dinâmica dos agentes internos, pode-se destacar:

a) as planícies centrais dos Estados Unidos.

b) os planaltos e chapadas do Brasil central.

c) as cordilheiras do oeste do continente americano.

d) os desertos e chapadas do continente afrinano.

e) as planícies siberiana e caucasiana na Rússia.

 

5. (Cesgranrio) Estrutura geológica são diferentes tipos de rocha (e de mineral) que compõem a litosfera. A respeito da estrutura geológica do Brasil, é incorreto afirmar que:

a) o território brasileiro é formado fundamentalmente por duas estruturas geológicas: os maciços antigos e as bacias sedimentares.

b) a base estrutural do nosso território é de natureza cristalina, portanto muito antiga e rígida.

c) os afloramentos superficiais do embasamento cristalino só representam cerca de 36% do total da superfície do país, ao passo que as áreas sedimentares representam cerca de 64%.

d) os terrenos formados na Era Proterozóica são de grande importância, porque geralmente aparecem associados às jazidas de minerais metálicos.

e) as bacias sedimentares apresentam camadas dispostas horizontalmente ou quase horizontalmente, o que evidencia a atuação de agentes internos.

 

6. (Mackenzie-SP) Assinale a alternativa incorreta sobre a estrutura geológica e o relevo do Brasil.

a) As verdadeiras planícies são raras.

b) É predominantemente planáltico.

c) A maior parte do território é recoberta por rochas sedimentares.

d) Os dobramentos recentes limitam-se à Serra do Mar.

e) As maiores altitudes localizam-se no extremo norte.

 

7. (FGV-SP)

No perfil topográfico acima, os "Planaltos e Serras de Leste-Sudeste" e o "Pantanal Mato-grossense" estão representados, respectivamente, pelos algarismos:

a) IV e III.                                                         d) III e I.

b) II e I.                                                            e) IV eI.

c) III e II.

 

8. (UFRGS, adaptado) 0 corte topográfico abaixo esquematiza o perfil do relevo da Região Nordeste do Brasil entre o Planalto da Borborema e a Bacia do Parnaíba.

As áreas identificadas pelos algarismos I e II correspondem, respectivamente:

a) à Depressão Sertaneja e às falésias cristalinas.

b) à Depressão Sertaneja e aos tabuleiros litorâneos.

c) à Depressão Nordestina e aos tabuleiros litorâneos.

d) à Depressão Sertaneja e aos inselbergs.

e) à Depressão Nordestina e às falésias sedimentares.

 

9. (UEL) De acordo com a classificação do relevo brasileiro proposta por Jurandyr Ross, o estado do Paraná apresenta, grosso modo, três unidades de relevo: os Planaltos e Serras do Atlântico Leste-Sudeste, os Planaltos e Chapadas da Bacia do Paraná e entre eles:

a) uma planície.

b) uma depressão.

c) um tabuleiro.

d) uma escarpa.

e) uma serra.

 

10. (PUC-MG, adaptada) Refere-se ao relevo brasileiro:

I. As depressões foram geradas por processos erosivos ocorridos no contato das extremidades das bacias sedimentares com os maciços antigos.

II. Os planaltos, em sua maioria, apresentam-se como formas residuais, ou seja, restos de antigas superfícies erodidas, que oferecem maior resistência ao desgaste.

III. As planícies correspondem a pequena extensão do território, em áreas mais planas, formadas pela deposição de sedimentos.

Marque para cada questão:

a) se apenas as afirmativas I e II estiverem corretas,

b) se apenas as afirmativas I e III estiverem corretas.

c) se apenas as afirmativas II e III estiverem corretas.

d) se todas as afirmativas estiverem corretas.

e) se todas as afirmativas estiverem incorretas.

 

11. (PUC-SP) A figura abaixo mostra um perfil topográfico do relevo brasileiro, com um corte no sentido oeste-leste que abrange os estados de Mato Grosso do Sul e São Paulo. Nele estão assinaladas três áreas, identificadas pelas letras A, 13 e C.

Considere as descrições nos itens I, II e III e assinale a alternativas que associe corretamente cada área à sua descrição.

I. Preenchida por sedimentos e com intrusões de lavas basálticas, onde aparecem colinas com topos aplainados e escarpas caracterizadas por frentes de cuestas.

II. Essencialmente plana e nivelada, preenchida por deposição de sedimentos recentes de origem fluvial.

III. Parte de sua gênese está vinculada a ciclos de falhamentos, que produziram escarpas acentuadas. Predominam morros de topos convexos e vales profundos.

a) A-III; B-II; C-I

b) A-III; B-I; C-II

c) A-I; B-II; C-III

d) A-I; B-III; C-II

e) A-II; B-I; C-III

 

12. Sobre o relevo brasileiro, pode-se afirmar que:

I - o predomínio dos planaltos no Centro - Sul do Brasil é um dos responsáveis pelo elevado potencial hidroelétrico da região.

II - da interação entre as rochas do embasamento cris

II - da interação entre as rochas do embasamento cristalino e o clima tropical úmido resulta a presença de solos de grande potencial erosivo.

III - os planaltos do Brasil Central apresentam, como características, as chapadas e os chapadões recobertos pela vegetação dos cerrados.

IV - as dificuldades oferecidas pelos planaltos, para a construção de ferrovias, explicam a quase inexistência deste meio de transporte no país.

Assinale a alternativa correta.

a ) Somente I, III e IV estão corretas.

b ) Somente I, II e IV estão corretas.

c ) Somente I, II e III estão corretas.

d ) Somente II, III e IV estão corretas.

e ) Todas estão incorretas.

 

13. No Brasil, as concentrações minerais localizadas no Quadrilátero Ferrífero e em Carajás formaram-se na era geológica

a) Pré-Cambriana.

b) Paleozóica.

c) Mesozóica.

d) Cenozóica.

e) Quaternária.

 

14. O domínio quente e úmido litorâneo do Espírito Santo é caracterizado por apresentar feições geomorfológicas do tipo:

I - Tabuleiros sedimentares, também conhecidos como baixos planaltos.

II - Falésias produzidas pela abrasão marinha.

III - Depressão sublitorânea formada sobre assoalho recente.

Está(ão) correta(s) a(s) assertivas:

a) apenas I                                                     d) apenas II e III

b) apenas I e II                                                e) todas

c) apenas I e III

 

15. O arquipélago de Fernando de Noronha, as ilhas de Trindade e Martin Vaz e os rochedos São Pedro e São Paulo são ilhas oceânicas brasileiras. Considerando que essas ilhas não guardam nenhuma relação com o relevo continental, é correto dizer que sua origem está vinculada a:

a) soerguimento de blocos falhados

b) dobramentos terciários

c) vulcanismo submarino

d) ascenso do nível do mar

e) acumulação de corais

 

16. Existem processos geomorfológicos que ocorrem naturalmente em áreas tropicais de chuvas intensas e topografia íngreme. São mais comuns quando associados a uma urbanização densa e irregular. Em cidades brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador, esses processos são freqüentes e envolvem perdas de vidas humanas e de habitações.

Os comentários acima referem-se ao processo de:

a) intemperismo físico.

b) erosão laminar.

c) assoreamento.

d) laterização.

e) escorregamento.

 

17. Sobre o litoral brasileiro, é correto afirmar que:

I - No litoral sul, aparecem as falésias basálticas, de relevo abrupto e escarpado.

II - O arquipélago de Fernando de Noronha é de formação vulcânica, situando-se ao longo do Nordeste brasileiro.

III - A corrente das Guianas banha o litoral norte do Brasil, no seu trajeto que vai do mar das Antilhas até a costa africana. O litoral Oriental, por sua vez, é banhado pela corrente do Brasil, que, vinda com as águas frias desde a altura do Rio Grande do Sul, vai-se aquecendo à medida que se dirige para o norte.

Quais das afirmativas acima, sobre o litoral brasileiro, estão corretas?

a) Apenas I

b) Apenas I e II

c) Apenas I e III

d) Apenas II e III

e) I, II e III

 

18. (Mack) Assinale a alternativa incorreta:

a) o escudo Uruguaio-sul-rio-grandense apresenta-se na forma de um baixo planalto cristalino, com cristas rejuvenescidas que formam os cerros e colinas onduladas, esculpidas nos diversos níveis de erosão, denominadas coxilhas

b) o planalto Meridional é representado por sistemas de grandes extensões de planaltos sedimentares e basálticos, dispostos em patamares rodeados por depressões periféricas

c) mais de 40% do relevo brasileiro encontra-se em zonas hipsométricas inferiores a 200 m, sendo a principal característica desse relevo a modéstia de suas altitudes, pois apenas 3% do território nacional alcança alturas superiores a 900 m

d) o planalto Atlântico do Brasil sudeste é o menos complexo e acidentado do relevo brasileiro, possuindo, entretanto, depressões tectônicas, planaltos e mares de morros

e) o planalto Central caracteriza-se por sua topografia uniforme, em terreno sedimentar e cristalino, compreendendo chapadas e planaltos, apresentando-se como divisor de águas das principais bacias hidrográficas brasileiras

 

19. (Ufgo) Devido à sua estrutura rochosa muito antiga, ao longo trabalho dos agentes erosivos e à ocorrência, no Brasil, de climas quentes e úmidos, o relevo brasileiro caracteriza-se pela predominância de:

a) planícies com médias altimétricas inferiores a 300 m e ausência de falhamentos

b) planaltos, com médias altimétricas inferiores a 1000 m e presença de formas arredondadas

c) montanhas, com médias altimétricas entre 2000 m e 2500 m e formas pontiagudas

d) serras, com médias altimétricas entre 1500 m e 2000 m e formas arredondadas

e) planaltos, com médias altimétricas inferiores a 300 m e ausência de falhamentos

 

20. Existem no Brasil seis principais tipos de paisagens naturais, denominadas domínios morfoclimáticos.

Numerando-se a segunda coluna de acordo com a primeira

1 - Domínio Amazônico

2 - Domínio da Caatinga

3 - Domínio do Cerrado

4 - Domínio das Araucárias

5 - Domínio das Pradarias

6 - Domínio dos mares de morros

( ) As principais feições morfológicas são os "pães de açúcar" e os morros em "meias-laranjas".

( ) O terreno ondulado forma colinas, regionalmente conhecidas como "coxilhas".

( ) Em determinadas áreas surge a "terra roxa", que constitui solos de elevada fertilidade.

( ) Os chapadões dominam com solos ácidos e profundos.

( ) As depressões são marcantes na paisagem, cujos terrenos antigos são fortemente envolvidos pela pediplanação.

a seqüência correta é:

a) 1, 5, 2, 3, 4                                     c) 4, 3, 6, 2, 5                                         e) 6, 5, 4, 3, 2

b) 1, 3, 5, 4, 2                                     d) 6, 5, 2, 3, 4

 

21. Os granitos no litoral, a rocha basáltica no sul, o solo de aluvião nas margens do Amazonas e a hematita são, respectivamente, das Eras Geológicas:

a) Arqueozóica; Mesozóica; Cenozóica; Paleozóica.

b) Cenozóica; Proterozóica; Arqueozóica; Mesozóica.

c) Mesozóica; Cenozóica; Paleozóica.; Arqueozóica.

d) Cenozóica; Proterozóica; Mesozóica; Arqueozóica.

e) Arqueozóica; Mesozóica; Cenozóica; Proterozóica.

 

22. Sobre o relevo do Brasil, estão corretas as afirmativas, EXCETO:

a) As planícies brasileiras de formação fluvial são a do Amazonas e do Pantanal.

b) O planalto Meridional abrange terras do estado do Paraná.

c) O planalto Central é uma subdivisão do planalto Brasileiro.

d) Coxilhas é a denominação de uma extensa área plana no estado do Mato Grosso do Sul.

e) Alguns dos afluentes do rio Amazonas descem do planalto das Guianas.

 

23. Esta questão está relacionada à paisagem de Fernando de Noronha.

 

Os processos responsáveis pela formação das áreas 1 e 2, indicadas na foto, são:

ÁREA 1 (no pico)         ÁREA 2 (na praia)

a) Orogênese                 Erosão marinha

b) Tectonismo             Sedimentação marinha

c) Falhamentos                Erosão fluvial

d) Vulcanismo             Sedimentação marinha

e) Dobramentos             Erosão marinha

 

 

GABARITO

 

01- C                     09- B                     17- B

02- B                     10- D                     18- D

03- A                     11- E                     19- B

04- C                     12- C                     20- E

05- E                     13- A                     21- E

06- D                     14- E                     22- D

07- E                     15- C                     23- B

08- B                     16- B